sábado, 10 de outubro de 2015

Em ação contra a Carta Capital, Gilmar Mendes receberá meio milhão de reais da revista

O ministro promete usar os valores recebidos para bancar bolsas de estudo.
Marlos Ápyus

Indenização veio por meio de acordo acertado entre Gilmar Mendes [foto] e osjornalistas Mino Carta e Leandro Fortes, além, claro, da Carta Capital, responsável por uma série de reportagens contra o ministro. Mendes havia sido acusado de contravenção e associação a delitos os quais não praticou. Dentre eles, o de ter se beneficiado da “lista de Furnas”, um documento falso que enumerava receptores de propina.

Os R$ 507 mil do acordo poderão ser pagos em dez parcelas. O juiz promete usar o valor para bancar bolsas de estudo. 
Título, Imagem e Texto: Marlos Ápyus, Implicante, 7-10-2015

Um comentário:

  1. Essa carta capital, verdadeira cartlha petista, tem de pagar o preco por utilizar-se de informacoes falseadas. Antonio augusto.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-