quinta-feira, 8 de outubro de 2015

TCU condena as pedaladas de Dilma


Um comentário:

  1. Quem lê o título pode pensar que as contas da Dilma de 2014 foram rejeitadas apenas pelas chamadas pedaladas fiscais.
    Não, as pedaladas representam 40 bilhões, mas o valor não explicado ou mal explicado atinge 106 bilhões.
    Não encontrei a última decisão, mas temos a anterior que deu 30 dias para a presidanta explicar suas contas. Vide: "portal3.tcu.gov.br/portal/page/.../005-335-2015-9%20-%20acordao.rtf:"
    Equivale dizer que, a Dillma violou a Lei de Responsabilidade Fiscal e a Constituição Federal, praticou crimes previstos na Lei que estabelece os crimes de responsabilidade na administração pública. Vamos prá cima minha gente, meu povo do Brasil.
    Ela, o Lulla e o PT já estavam pensando que eram donos do Brasil e que podiam desrespeitar as leis e as instituições democráticas, e que ninguém ía fazer nada.
    Estamos próximos do "impeachment" (impedimento) da presidanta.
    Mas tem mais: o TSE autorizou a investigação de abuso de poder político e econômico nas eleições de 2014.
    ANTONIO AUGUSTO.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-