quarta-feira, 11 de maio de 2016

O preguiçoso

Nelson Teixeira
Numa região montanhosa, havia uma caravana de pessoas, cada qual carregando a sua cruz.
Todas as cruzes eram do mesmo tamanho, porém, umas eram mais leves e outras mais pesadas.
Havia na fileira um retardatário que, preguiçoso e comodista, carregava a sua cruz com má vontade e rebeldia. 

Ele notou que os que estavam à sua frente se perdiam de vista.
Resolveu então parar e cortar um pedaço de sua cruz.  Pensou: “Assim andarei mais rápido e passarei na frente de todos.”

Caminhou apenas alguns quilômetros com a sua cruz, agora mais leve e deparou com um precipício. 
Ficou imaginando como os demais tinham atravessado.
Percebeu então que cada um tinha usado a sua própria cruz como ponte.

Infelizmente a sua cruz estava cortada e não alcançava o outro lado do precipício. 
Assim, ele teve de retornar e apanhar uma nova cruz. 
Título e Texto: Nelson Teixeira, Gotas de Paz, 11-5-2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-