domingo, 3 de julho de 2016

"Como uma onda"


(Lulu Santos & Nelson Motta)

Nada do que foi será
De novo do jeito que já foi um dia
Tudo passa
Tudo sempre passará

A vida vem em ondas
Como um mar
Num indo e vindo infinito

Tudo que se vê não é
Igual ao que a gente
Viu há um segundo
Tudo muda o tempo todo
No mundo

Não adianta fugir
Nem mentir
Pra si mesmo agora
Há tanta vida lá fora
Aqui dentro sempre
Como uma onda no mar
Como uma onda no mar
Como uma onda no mar

Nada do que foi será
De novo do jeito
Que já foi um dia
Tudo passa
Tudo sempre passará

A vida vem em ondas
Como um mar
Num indo e vindo infinito

Tudo que se vê não é
Igual ao que a gente
Viu há um segundo
Tudo muda o tempo todo
No mundo

Não adianta fugir
Nem mentir pra si mesmo agora
Há tanta vida lá fora
Aqui dentro sempre

Como uma onda no mar
Como uma onda no mar
Como uma onda no mar
Como uma onda no mar 
Como uma onda no mar

2 comentários:

  1. Caros, quando tinha 16 anos, em 1967, o Roberto era o Cara, quando tinha 30, em 1981, o Lulu era o Cara, hoje com 64, o McCartney continua sendo o Cara!!!
    Abs,
    Heitor Volkart

    ResponderExcluir
  2. Somos da mesma época, mesmo anos, adorava Rossini Pinto, depois Lupicínio Rodrigues com Jamelão e Nelson Gonçalves.
    E para mim Frank Sinatra "forever".
    Nos dias de hoje eu curto Sara Brightman , Andrea Bocceli e Celine Dion.
    Para não dizerem que gosto só de clássico, curto muito Garth Brooks e Tony Braxton.
    Para as mulheres Tina Turner "forever"

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-