segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Militante esquerdista disse que Furacão Matthew praticou “racismo ambiental”


Luciano Ayan
Em alguns momentos, o esquerdismo funcional beira a insanidade. Estou sendo bonzinho, pois “beirar” a insanidade é pouco. Em alguns casos, as definições de insanidade são atualizadas.

Observe este print:


Eu torci para que este perfil fosse apenas um fake. Seria algo de “zoeira” contra a esquerda politicamente correta?

Nada disso.

O perfil existe desde 2008 e é dedicado a “racismo ambiental”.

Segundo a figura, a morte de 339 pessoas no Haiti – agora são quase 900 mortos – era um exemplo do que ela define como “racismo ambiental”.

Isto não é apenas um delírio misturado com cinismo. É também um baita desrespeito às centenas de vítimas fatais.

Não consigo comentar nada mais a respeito. 
Título, Imagem e Texto: Luciano Ayan, Ceticismo Político, 8-10-2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-