sexta-feira, 17 de março de 2017

Quatro monstros da Rede que ficaram contra doações para Gestão Doria perderam na Justiça

Luciano Ayan

Nesta quinta, o juiz Danilo Mansano Barioni, da 1ª Vara da Fazenda da capital paulista, negou pedido de liminar em ação popular que pedia a proibição de o prefeito João Doria (PSDB) receber doações de particulares para a Prefeitura. A ação havia sido movida por quatro militantes da Rede, linha auxiliar do PT. Eles diziam que as empresas queriam lucro e, portanto, teriam interesses em fazer doações.

O juiz não deu a mínima para o papo-furado ridículo da extrema-esquerda e disse: “Não há dano, lesão ou ameaça de lesão concreta ou imediata a debelar. Este o ponto nodal e, em princípio, suficiente, ao indeferimento da liminar”.

O juiz ainda questionou: “Ao ajuizarem esta demanda, doaram parte do seu precioso tempo, empenharam seu bom nome, tudo com vistas à obtenção de algo que acreditam e que, se acolhido, asseguraria a visão que têm de melhor direcionamento administrativo, não seu interesse individual. Circunstancialmente têm, os quatro, filiação partidária, vinculados à REDE SUSTENTABILIDADE, partido que, parece, não integra a base de apoio do Prefeito. Ora, quem poderia dizer, sem ser leviano ao ajuizarem esta demanda movem-se por fins outros que não o da crença num país melhor?”.

O juiz foi até bonzinho, pois ele poderia ter questionado: quão o nível de desumanidade monstruosa possui alguém que luta para que a população carente não seja beneficiada por doações? Tenha medo, tenha muito medo dessa gente do Rede Sustentabilidade.
Título e Texto: Luciano Ayan, Ceticismo Político, 17-3-2017

Relacionados:

2 comentários:

  1. A porta-voz nacional da Rede Sustentabilidade é a anjinha e santinha Marina Silva.

    ResponderExcluir
  2. Pois então, esta Rede Sustentabilidade é como era o PT no início, um bando de "duros" que querem enriquecer às custas do dinheiro público.
    O PT conseguiu, mas chega de bancarmos os "otários" e eleger estes aproveitadores.
    Heitor Volkart

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-