domingo, 1 de outubro de 2017

O poder civil e o Refis

Alberto José

O poder civil, representado pelos deputados na Câmara, agora "negocia" o novo programa de refinanciamento de dívidas, comumente denominado Refis, para servir como moeda de troca no apoio dos deputados para que o presidente Temer possa se livrar da segunda denúncia no seu governo.

Essa vergonhosa "armação" para livrar a cara do presidente é um atalho para que os condenados por corrupção possam obter descontos e parcelamento do dinheiro que roubaram e serão obrigados a devolver à União!

O sindicato dos auditores fiscais da Receita Federal classificou essa manobra como "um tapa na cara da nação" pois o presidente Temer, para cooptar votos de parlamentares investigados e endividados com a Receita Federal, aceitou "ajustar" o projeto Refis com regras mais flexíveis permitindo que os corruptos paguem suas dívidas com recursos desviados.

Essa é a fórmula enviesada do Congresso mostrar à Nação que não precisa da tutela do poder militar. 
Título e Texto: Alberto José, 1-10-2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-