sábado, 18 de agosto de 2018

A improdutiva política brasileira

HOMOFOBIA:

Veja o tamanho do absurdo praticado pelos seus adversários políticos, mídia e até pela Justiça acusando o deputado Jair Bolsonaro de preconceituoso, homofóbico e racista, mas apoia o homofóbico ex-presidente, Lula da Silva, quando chamou os cidadãos de Pelotas como sendo essa cidade um grande polo de exportação de veados, e, ainda apoia o regime teocrático iraniano que trata as mulheres como se fossem lixo e matam as  prostitutas e  homossexuais a pedradas em praça pública simplesmente por ter essa opção na vida.


É o cúmulo do desrespeito aos direitos humanos da mesma forma que estão tratando o Bolsonaro pela discussão no parlamento com a deputada e ex-ministra dos direitos humanos, a deputada Maria do Rosário, quando taxou o Bolsonaro de homofóbico visto por meio das transmissões da Tv Câmara quando ele defendia as vítimas do Champinha e a deputada Maria do Rosário o criminoso, e, por incrível que possa parecer, o Poder Judiciário ainda abriu processo contra o Bolsonaro e faz de conta que nada viram e ouviram a Maria do Rosário declarar publicamente.

Antes de processar o deputado, que tal a Justiça ver e ouvir a gravação desse fato e também da declaração do Lula em Pelotas?
Benone Augusto de Paiva, São Paulo, Capital.

Comentário:
Acima, um texto lúcido do nosso amigo Benone Augusto de Paiva. Vivemos, sem dúvida, numa fase de absurdos loucos nunca antes visto no nosso querido Brasil!

As vaquinhas de presépio do ex-presidente, não mentem quando dizem que Lula é o maior mandatário que o país já teve. Só que eles enxergam, ou melhor, não enxergam que Lula está na outra extremidade de uma linha governamental, a do lado esquerdo, onde a estapafúrdia, a incoerência, a arrogância e a insensatez reinam absolutas!

Haja vista que Lula, um condenado trancafiado, quer ser presidente de qualquer maneira, no peito e na marra, saindo da prisão e colocando o Moro que o sentenciou no lugar que hoje ele ocupa. Barbaridade! Inconcebível!

Nós, eleitores, somos os maiores culpados destes momentos trágicos em que nos encontramos, e quiçá, levaremos muito tempo para deles sairmos.

Temos que engolir estas barbaridades, quando seria até muito fácil e infalível nos livrarmos deste nefasto presidente, e de todos os seus asseclas, através de um voto consciencioso nas últimas eleições!

Será que estes trinta a quarenta milhões de eleitores não enxergam que estes votos jogados na lixeira estão fazendo falta para trocarmos um governo da situação por um governo de oposição?

Vemos, constantemente, incentivos loucos e equivocados para que a população não compareça às urnas, esquecendo-se que a esquerda, maciçamente, não deixa nunca de votar, acontecendo o que vemos sempre: os petistas estão sempre se mantendo no poder graças ao seu fanatismo desvairado por Lula e Dilma, contando com uma ajuda preciosa, ou seja: quem não gosta dos ex-presidentes petistas, não usa o poder dos seus votos para ameaçá-los, o que eles felizes, agradecem penhoradamente...
Almir Papalardo, 18-8-2018

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-