quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Mamãe eu quero mamar...


Valdemar Habitzreuter
O que se viu ontem no Congresso Nacional, na votação da derrubada ou não dos vetos presidenciais, foi uma verdadeira armadilha à oposição (PSDB). O governo saiu vencedor, a maioria dos vetos permanecem de pé. A oposição foi trapaceada pelos que se declararam dissidentes do governo (principalmente os pmdebistas) e voltaram atrás para apoiar a Dilma.

O governo agora pode respirar um pouco mais aliviado, a governabilidade por ora foi salva e a ‘presidenta’ ainda tem permissão de sentar no trono presidencial, mas será ela de fato quem vai governar o país? Ou será uma mera figura ornamental? O PMDB está se armando para dar o pulo do gato... O veto ao reajuste salarial para os servidores públicos, que ainda não foi votado – será marcada outra data -, por certo, também vai permanecer. 

Presumo que um silencioso golpe está se armando nos bastidores no interior do PMDB para tomar as rédeas do governo. É um partido asqueroso, parasita e sobrevive na base do ‘toma lá dá cá’. O PMDB mostrou ontem seu estandarte pelo qual se norteia: participar do poder, seja qual for o governo, e sugar ao máximo as tetas da ‘mãe’ e, depois de vazias e bem alimentado, dispensá-la e declarar-se no poder.

O PMDB, ficou a favor dos vetos presidenciais não porque se sentiu na obrigação como aliado do governo, mas, sim, pelo favorecimento que vai obter; e isso foi muito bem amarrado e orquestrado antes da votação. Nada menos que cinco ministérios lhe serão concedidos. Não me iludo, o cínico Renan foi um dos principais articuladores para a vitória do governo nesta votação.

É realmente um partido sem bandeira própria, seu único lema se reduz a isso: “mamãe, eu quero mamar”... E as tetas da Dilma, digo, do governo Dilma, vão secar em breve com tantos ministérios nas mãos do PMDB. É um golpe parasitário... Imaginem, os parasitas governando o país, e não ficaria admirado se o PSDB entrasse nesse jogo, já que é um partido também sem caráter, haja vista pelas tomadas de posições contrárias às posições que defendia no passado quando era governo (ex.: fim do fator previdenciário, etc)...

E mais uma vez estava em pauta ontem, nesta votação dos vetos, o PL02. Há meses os aposentados do aerus esperam por sua votação. Mais uma vez não houve quórum, uma vez que os parlamentares esvaziaram o plenário... É um desplante de desrespeito para com um grupo de idosos que já conseguiram na justiça o montante provisional para o pagamento de seus proventos, e bastava para isso uma votação simbólica dos parlamentares. Nem o esforço da senadora Ana Amélia foi suficiente para convencer o senador Renan para colocar esta pauta em primeiro lugar quando havia o quórum suficiente. 

Em tempo: quem assistiu a sessão de ontem pôde ver como nossos congressistas se portam como crianças em jardins de infância: gritarias, algazarras e não sabem bem para quê estão realmente lá... O povo está de olho, seus pilantrinhas!... 
Título e Texto: Valdemar Habitzreuter, 23-9-2015

2 comentários:

  1. Como já escrevi antes, o Cirque du Soleil, depois de ontem pode fechar a s portas, porque essa trupe de pilantras faz melhor jogo de cena
    É para qualquer cidadão se envergonhar de existir aqui por estas bandas podres
    José Manuel

    ResponderExcluir
  2. Aquilo foi um deboche total com a população.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-