terça-feira, 24 de outubro de 2017

Em Brasília – BRASÍLIA! – 45 mil pescadores recebiam bolsa do governo

Marlos Ápyus

Assim como no século passado o termo “revolucionário” justificava qualquer barbaridade que grupos políticos se dispunham a fazer, o novo milênio viu na expressão “social” um escudo contra críticas. E qualquer política que fingisse contemplar objetivo tão nobre passava automaticamente a gozar de fiscalização frouxa. Quem ousava, por exemplo, criticar projetos como o Bolsa Família?

Com a queda do PT e desta postura que levou à ruína a economia brasileira, aos poucos foi possível revisitar o tópico. Em Brasília, distante mil quilômetros do mar mais próximo, com apenas um lago e alguns rios, havia 45 mil pescadores recebendo o seguro-defeso, bolsa concedida aos trabalhadores que interrompem as atividades no período de desova.

Mais recentemente, descobriu-se que um em cada cinco beneficiários da “bolsa pesca” nem sequer era pescador. E que, de um orçamento de R$ 2 bilhões, os beneficiários fraudavam R$ 1,5 bilhão.

Sem fiscalização, o Brasil quebra. E quebrou. 
Título e Texto: Marlos Ápyus, Implicante, 24-10-2017

Um comentário:

  1. O Brasil está parado para um Teatro!!!
    Imagine! Nem o Jornal Nacional, o maior veículo de comunicação Brasileiro foi transmitido, para ouvirmos tanta hipocrisia, tanta demagogia, que em momento algum defendem o povo, pois são representantes do mesmo, e sim, sem coerência ora para um lado, ora para outro, só defendem seus próprios interesses Eleitoreiros!!!
    Que Vergonha! Este é Parte de Nosso Congresso. E a outra parte está no Senado! Outra vergonha!!!!
    Heitor Volkart

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-