terça-feira, 24 de outubro de 2017

Em Brasília – BRASÍLIA! – 45 mil pescadores recebiam bolsa do governo

Marlos Ápyus

Assim como no século passado o termo “revolucionário” justificava qualquer barbaridade que grupos políticos se dispunham a fazer, o novo milênio viu na expressão “social” um escudo contra críticas. E qualquer política que fingisse contemplar objetivo tão nobre passava automaticamente a gozar de fiscalização frouxa. Quem ousava, por exemplo, criticar projetos como o Bolsa Família?

Com a queda do PT e desta postura que levou à ruína a economia brasileira, aos poucos foi possível revisitar o tópico. Em Brasília, distante mil quilômetros do mar mais próximo, com apenas um lago e alguns rios, havia 45 mil pescadores recebendo o seguro-defeso, bolsa concedida aos trabalhadores que interrompem as atividades no período de desova.

Mais recentemente, descobriu-se que um em cada cinco beneficiários da “bolsa pesca” nem sequer era pescador. E que, de um orçamento de R$ 2 bilhões, os beneficiários fraudavam R$ 1,5 bilhão.

Sem fiscalização, o Brasil quebra. E quebrou. 
Título e Texto: Marlos Ápyus, Implicante, 24-10-2017

Um comentário:

  1. O Brasil está parado para um Teatro!!!
    Imagine! Nem o Jornal Nacional, o maior veículo de comunicação Brasileiro foi transmitido, para ouvirmos tanta hipocrisia, tanta demagogia, que em momento algum defendem o povo, pois são representantes do mesmo, e sim, sem coerência ora para um lado, ora para outro, só defendem seus próprios interesses Eleitoreiros!!!
    Que Vergonha! Este é Parte de Nosso Congresso. E a outra parte está no Senado! Outra vergonha!!!!
    Heitor Volkart

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-