terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Elétrico 28


O célebre elétrico 28, uma das principais atrações de Lisboa, é um dos melhores do mundo para passear.

Quem o garante é o jornal australiano The Daily Telegraph, que escolheu os seus exemplos favoritos deste meio de transporte que é, muitas vezes, o eleito dos turistas para conhecer as cidades.

"Uma estadia em Lisboa fica incompleta sem um passeio no elétrico 28, que é, simultaneamente, uma atração para os turistas e um meio de transporte prático para os habitantes", escreve Alana House, cronista de viagens do jornal que assina o artigo publicado no domingo.

Segundo House, "uma volta completa dura menos de duas horas e os visitantes podem comprar um passe de um dia e utilizá-lo para conhecer muitas das ruas estreitas de Lisboa" e para visitar locais como o Cemitério dos Prazeres, os mercados em segunda mão ou os miradouros.

(…)
Clique AQUI para aceder ao artigo (em inglês)
Título e Texto: Boas Notícias, dezembro de 2014

O percurso do Eléctrico 28 começa no Martim Moniz e acaba em Campo de Ourique, no Cemitério dos Prazeres.

Na paragem inicial no Martim Moniz há sempre grandes filas, por isso aconselho a começar a viagem no Cemitério dos Prazeres ou na Estrela. Poderão verificar o percurso e horários no site da Carris

A tarifa de bordo nos eléctricos e ascensores é de 2,85€. Se optar por adquirir um cartão Viva Viagem (verde), este custa 0,50€, mas é recarregável e reutilizável. Escolha a opção zapping, carregamento mínimo de 5€, e cada vez que validar o bilhete nos eléctricos/autocarros/elevadores é descontado o valor de 1.25€. Essa validação dura uma hora, o que significa que durante esse tempo poderá viajar as vezes que quiser por esse valor.

Para os turistas com pouco tempo, recomendo o bilhete diário (24h) Carris/Metro que custa 6€. Se validar às 10h de um dia dura até às 10h do dia seguinte. Se fizer mais de 4 viagens este bilhete compensa a sua aquisição.
Texto: Ana Paula Cardoso





Na CARRIS o serviço regular de transporte inclui autocarros, elétricos, elevador de Sta. Justa e ascensores da Bica, da Glória e do Lavra. Não inclui circuitos turísticos, nem Aerobus.

Relacionado: 

Um comentário:

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-