sexta-feira, 18 de setembro de 2015

S&P sobe ‘rating' de Portugal

Rui Barroso
Os analistas da agência subiram a notação de Portugal de BB para BB+. O ‘rating' fica a um nível para sair da categoria vista como ‘lixo' pelos mercados.

Os analistas da Standard & Poor's melhoraram a notação de Portugal de BB para BB+ com ‘outlook' estável. A agência melhorou a notação a poucas semanas das eleições. O ‘rating' fica agora a apenas um nível para sair da classificação vista como ‘lixo' pelos mercados.

Com a decisão de hoje, a S&P passa a classificar Portugal com a mesma notação dada pela Moody's e pela Fitch, que já avaliavam Portugal a apenas um nível abaixo do estatuto de grau de investimento.

A agência decidiu melhorar a notação devido à recuperação da economia e às expectativas de que, após as legislativas, as políticas que venham a ser adoptadas não tenham grandes alterações.

"A subida reflecte a nossa perspectiva sobre a estável recuperação económica de Portugal, apoiada pela melhoria gradual das condições no mercado de trabalho", justificaram os analistas da S&P. A agência estima um crescimento de 1,7% do PIB este ano e de 1,8% em 2016.

Além da recuperação da economia, os analistas da S&P destacam ainda a consolidação orçamental "que ajudou a abrandar a trajectória de subida da dívida pública". Isto apesar de a S&P alertar que a dívida pública continua "muito elevada, em cerca de 124% do PIB em 2015 segundo a nossa estimativa". Para este ano, a S&P estima um défice de 3%.
[...]
Imagem e Texto: Rui Barroso, Diário Económico, 18-9-2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-