quarta-feira, 22 de junho de 2011

Primeiro-ministro vai na classe Econômica

Passos Coelho exigiu troca de classe executiva para económica no voo para Bruxelas

O novo primeiro-ministro que amanhã (23 de junho) viaja de avião para Bruxelas, mandou hoje trocar as cinco reservas da TAP, de executiva para económica.
Passos Coelho que amanha estará presente em Bruxelas, onde vai participar na reunião com os restantes chefes de governo da União Europeia, ordenou a mudança de classe do seu bilhete e dos seus acompanhantes.
Como seria hábito, a Top Atlântico, agência de viagens que trabalha com o Governo, tinha reservado cinco bilhetes em classe executiva. No entanto, hoje a agência exigiu à TAP que a comitiva de Passos Coelho viajasse em classe económica, num downgrade de classe inédito.
Tal como havia prometido, Passos Coelho cumpre a promessa de que nos voos para a Europa o governo passa a viajar em classe económica.
Já o pedido de Passos Coelho para prescindir do uso da sala VIP da Portela não pôde ser atendido, por razões de protocolo e segurança.
Destak, 22-06-2011, 18h38

Dirão de imediato, aqueles que não "gostam de políticos" (menos deste, claro!) que é demagogia, hipocrisia, etc... é isso aí, você está muito certo, grande analista!

Um comentário:

  1. Agora, nas viagens intercontinentais o primeiro-ministro DEVE viajar na Executiva e, claro, deve embarcar pela sala VIP. Simples assim.

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-