sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Fila de partir o coração


Pacientes com doenças cardíacas necessitando de assistência urgente recebem senha de atendimento para… 2016!!
Brasil, pátria da assistência médica!! 
Texto: Alberto José, 16-10.2015

Relacionado:

2 comentários:

  1. Vejam aonde está o dinheiro que esse pessoal pagou de impostos, e está faltando na saúde, na educação, na segurança pública, nas obras de infraestrutura no Brasil, etc. etc.
    http://spotniks.com/20-obras-que-o-bndes-financiou-em-outros-paises/
    ANTONIO AUGUSTO.

    ResponderExcluir
  2. Não podemos perder o foco. Precisamos nos deter ao "impeachment" de Dillma, ou cassação pelo TSE do mandato dela e do Temer.
    Deixa a imprensa se esbaldar de falar do Cunha. O Cunha é problema do governo, do STF, do Ministério Público Federal e, eventualmente dos Deputados, se quiserem cassar seu mandato, por falta de decoro.
    Quem está pagando as contas da roubalheira é a população, portanto o problema da população, sobretudo a produtiva, é o governo que oficializou a corrupção nas estatais, no governo, no BNDES, nas obras em países bolivarianos, etc., para se perpetuar no poder.
    Quem vai determinar o processamento do "impeachment" da Dillma pouco importa (o atual ou futuro presidente da Câmara), o que interessa para a população é o impedimento da presidanta.
    Neste sentido, sugerimos aos movimentos populares "FORA DILLMA. FORA PT", se unam para marcar novas manifestações conjuntas, em domingo, e em todo o país (além do dia 19/10/2015 no Largo da Batata em S. Paulo), para daqui a mais ou menos 30 (trinta) dias. Precisamos neutralizar as ações da Dillma ao dar o Ministério da Saúde para o PMDB (para a saúde continuar como está), etc. Vamos protestar, também, contra o aumento de impostos e contra a volta da CPMF.
    Não podemos esquecer que, os Bancos, banqueiros, construtoras, parte dos políticos e da imprensa estão se beneficiando com o esquema de corrupção do governo do PT, e para esses interessa o silêncio. A população que se ferre. Vamos reagir.
    ANTONIO AUGUSTO.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-