terça-feira, 11 de abril de 2017

Ex-secretário-geral da OTAN diz que não se chega lá com florzinhas e incensos de canela com jasmim...

Muitos encontram-se perdidos em meio à guerra de narrativas envolvendo o conflito Sírio, especialmente após o ataque americano contra alvos militares na Síria, em retaliação ao uso de armas químicas contra civis.

Neste vídeo, o ex-primeiro ministro da Dinamarca, Anders Rasmussen, que atuou (também) como secretário-geral da OTAN entre 2009 e 2014, mostra alguns fatores que talvez possam estar sendo negligenciados na análise da situação.

Um comentário:

  1. No último sábado publicamos o vídeo da análise geopolítica militar do ex-primeiro ministro da Dinamarca, Anders Rasmussen, que atuou como secretário geral da OTAN entre 2009 e 2014, sobre a importância do protagonismo americano na mediação dos conflitos.

    Várias questões foram suscitadas na tentativa de se traçar um paralelo entre esse protagonismo e o globalismo, ou seja, até que ponto esse protagonismo americano como "polícia do mundo" vai de encontro à agenda globalista.

    Em qualquer análise que se faça, é importante considerar que na atual conjuntura geopolítica, o protagonismo dos EUA no cenário internacional com ações pontuais e que, até o presente momento, não implicam numa mudança forçada de regime, não interessa aos globalistas, que anseiam por ver todas as fronteiras enfraquecidas, para a criação do grande "leviathan " ou seja, pelo estabelecimento do governo mundial.

    Nesse vídeo, o jornalista Bret Stevens do WSJ, vencedor do prêmio Pullitzer, faz uma questão essencial e que talvez possa estar sendo ignorada pelos isolacionistas: Qual a alternativa?

    We thank Prager University.
    Visit Prager University at www.prageru.com

    Tradução e Revisão: Renan Poço e Israel Pestana
    https://youtu.be/_iah34ImdBg

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-