segunda-feira, 3 de abril de 2017

Eleições Francesas: Revolução Populista ou Status Quo?

Soeren Kern
  
§  "Se a bolha Macron não estourar, poderá pressagiar o realinhamento, não apenas da política francesa, mas das políticas ocidentais em geral, longe da divisão esquerda/direita que definiu a política ocidental desde a Revolução Francesa, em direção da divisão entre o povo e as elites". — Pascal-Emmanuel Gobry, analista político francês.
§  "Esta divisão não é mais entre a esquerda e a direita, mas entre patriotas e globalistas". — Marine Le Pen, candidata à presidência da França. 

Na atual campanha eleitoral presidencial francesa, Marin Le Pen (direita) é a candidata da mudança, anti-establishment e Emmanuel Macron (esquerda) é o candidato status quo, pró-establishment. (Imagem: captura de tela de vídeo LCI)

O pontapé inicial na eleição presidencial da França foi dado em 18 de março, quando o Conselho Constitucional anunciou que um total de onze candidatos irão se enfrentar na corrida para o mais alto cargo político do país.

A eleição está sendo observada de perto na França e em outros países como indicador do descontentamento popular em relação aos partidos políticos tradicionais e em relação à União Europeia, bem como em relação ao multiculturalismo e à contínua migração em massa do mundo muçulmano.

O primeiro turno da votação será realizado em 23 de abril. Se nenhum candidato atingir a maioria absoluta dos votos, os dois primeiros vencedores do primeiro turno se enfrentarão no segundo turno em 7 de maio.

Se a eleição fosse realizada hoje, o candidato "progressista" independente Emmanuel Macron, que nunca ocupou nenhum cargo eletivo, se tornaria o próximo presidente da França, de acordo com várias pesquisas de opinião. 

Relacionados:

Um comentário:

  1. Macron é o candidato da imprensa francesa.
    Hoje é o esquerdista Le Monde que traz uma entrevista com ele.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-