sábado, 5 de setembro de 2015

Thomaz Raposo questiona postura da PREVIC

Prezado Superintendente,
Quero aqui externar minhas preocupações quanto a reuniões com tomada de decisões a respeito do AERUS, que, quero lembrar, pertence exclusivamente aos participantes do AERUS, sem a presença de suas associações que participam hoje da sua administração e representam mais de cinco mil associados.

O que escutamos hoje transmitido pelo canal da FENTAC através da senhora Graziella foi uma série de medidas que podem vir a aumentar nossos custos mensais e possuem informações redundantes, pois como todos sabemos as reservas matemáticas estão no quadro de credores reservado ao AERUS, e encaminhado faz tempo para cada participante que hoje é atendido via fone quase que diariamente pelas associações.

Escrevo ainda que não considero justo, a PREVIC marcar uma reunião com o Interventor/Liquidante para discutir assuntos pertencentes aos participantes do AERUS com a FENTAC/Graziella, pois esta não detém representatividade legal para isto e muito me estranha que em seu vídeo do dia 4 de setembro tenha escutado a frase ‘quando o outro interventor chegar.’

Quero voltar a deixar claro que estamos satisfeitos com o Interventor/Liquidante e de que a postura da PREVIC ante ao que estou relatando não está adequada mais uma vez.

Esperamos receber notícias a respeito assim que possível, a fim de que possamos nos proteger da forma devida, pois já estamos bastante traumatizados com fatos passados e agora presentes. 
Título e Texto (e Grifos): Thomaz RaposoAPRUS, 5-9-2015

5 comentários:

  1. Estou um tanto alienado em relação às atividades da FENTAC. Pode ser culpa minha por falta de interesse em saber dos objetivos principais que norteiam essa entidade. Que eu saiba é cuidar dos interesses dos trabalhadores que estão na ativa na aviação civil. Portanto, venho aqui solicitar que alguém me esclareça do por quê da ingerência da FENTAC nos assuntos dos aposentados do Aerus, que não mais estão vinculados a uma empresa aérea, mas dependentes de um fundo de pensão donde recebem seus proventos, ou deveriam receber integralmente. Qual o interesse maior de a FENTAC estar à frente nas tratativas do problema Aerus? É claro, alguma entidade jurídica deverá estar à frente para tratar do problema dos aposentados do Aerus. Mas, por que a FENTAC? É ela a força maior de representatividade para o caso Aerus? Alguma outra entidade poderia nos representar com mais eficiência? Qual o papel do corpo jurídico do escritório Castagna Maia? Presta assessoria à Fentac? Donde sai o dinheiro para pagar os honorários? Parece que quanto mais se prolongar o tempo por uma solução tanto maior será o lucro...
    Entendo que o caso Aerus se arrasta por falta de vontade política para uma solução definitiva, mas alguma entidade jurídica mais capacitada e influente deveria estar atuando. Infelizmente, estamos carentes de uma. O próprio interventor parece não estar interessado por uma solução final. Parece que se diverte com as nossas agonias. Faço um convite ao presidente da APRUS que explique as questões acima colocadas e o que ele sugere como alternativa mais pujante e eficaz. Sabemos que há políticos envolvidos em nossa causa. Mas, há sinceridade nisso tudo? Por que não conseguem convencer peremptoriamente o presidente do Congresso para que dê prioridade à PL02? Tudo muito misterioso...
    Valdemar Habitzreuter

    ResponderExcluir
  2. Qualquer reunião para tratar dos assuntos AERUS , salvo se esta reunião for feita entre o liquidante e as autoridades da área, administrativamente,.porquanto é o único representante legal ,que pode falar pelo Aerus na sua totalidade.em caso de convocações de interesse publico,manda as regras civilizadas e ,legais, que sejam convidadas todas as correntes ,porquanto não existe procuração universal de um único representante ,para todos os participantes. Independente de que facção estejam representando ,sem ser homologadas em assembleia dos credores.sob o risco de ter seus resultados contestados judicialmente.
    Paizote

    ResponderExcluir
  3. thomaz Raposo de Almeida filho5 de setembro de 2015 22:21

    Em acréscimo ao meu comentário, considero bastante estranho a próxima movimentação da ação da tarifária e o comentário feito de "quando o outro intenventor chegar".
    Pergunto qual a lógica de trocar um interventor liquidante que domina todo o complexo assunto do AERUS e seus planos de previdência, situação enxuta da entidade por outro que teria que entender toda a problemática de negociação.
    Por isto digo e escrevo que as Associações não aceitam a mudança de liquidante e requerem que qualquer assunto do AERUS que pertence somente a nós participantes seja discutido em reunião com a APRUS e AMVVAR.
    è importante lembrar à PREVIC que da mesma forma que nós e somente nós solicitamos a intervenção no AERUS também podemos levantar a liquidação de acordo com a lei.
    Sr. Valdemar a APRUS reconhece serviços feitos e obtidos pelo escritório do Dr. Castagna Maia, mas fizemos propostas de acordo que estão nas mãos do Liquidante, PREVIC e Ministro da Previdênçia, você fala vontade política e considero isto uma verdade, bem como considero tambem da boca para fora da parte da maioria dos políticos, O BRASIL está uma desordem e acredito que todos nós saibamos disto.
    O custo da maquina pública somado aos nossos filhos (bolsa familia, casa familia, auxilio a familia dos presos e etc...) somados aos pelo menos 27 ministérios todos com cartões corpotativos, carros e outras mordomias e que nada, absolutamente nada produzem para o BRASIL faz com que O Presidente do CONGRESSO que devia por função fiscalizar o EXECUTVO não dê a prioridade ao nosso PL2.
    Este é o meu pensamento e na terça feira durante a parte da manhã verão que a APRUS trabalha e sempre trabalhará no interesse de todos.

    ResponderExcluir
  4. Heitor Rudolfo Volkart5 de setembro de 2015 22:37

    Prezado Senhor Thomaz!
    Creio que uma Luz começa a iluminar as mentes, desta Família Aerus.
    Concordo plenamente, com seus questionamentos, o que a Fentac tem feito por nós? A não ser publicar videos e gravações, desde o Salão Verde, e redundantes, políticas e de próprio interesse, não tem representatividade nenhuma, esta é de exclusividade do Castagna Maia, e de Associações legalmente registradas junto ao Aerus.

    Sr. Thomaz, o que ouvi ontem, me deixou "de queijo caído" a mensageira da Fentac, dizer que "nós não precisamos de inimigos, o Governo é nosso amigo" Ahh... o que este Governo fez com o Aerus, é Irreparável, e agora nos usam e torturam, querendo ainda tirar proveitos políticos, assim como a fentac está fazendo.

    Não podemos aceitar isto de mãos atadas, e ainda, um número de Membros do Aerus, ansiosos, deprimidos, em busca um conforto qualquer, agradecem e oram por esta Senhora. Ahh... Senhas, valores, isto já temos há anos, não nos deu vitória alguma, o que temos de Concreto, é um competente Escritório de Advocacia, e uma Sentença que precisa ser cumprida.

    Sr. Thomaz, este Sindicato, aos poucos foi tomando, o que não lhe pertence, algo tem que ser feito.

    Quanto à Previc, quando deveria ter "Cuidado" do Aerus, então SPC, também só tem o dever de nos pagar junto ao Ministério da Previdência, onde o Senador Paim, na Tribuna do Senado, afirmou categoricamente, expondo inclusive os valores, que a Previdência Social tem Superávit. Prezados, alguma providência tem que ser tomada.
    Atenciosamente,
    Heitor Rudolfo Volkart

    ResponderExcluir
  5. Heitor Rudolfo Volkart6 de setembro de 2015 13:11

    De: Heitor R Volkart
    Data: 5 de setembro de 2015 23:20:37 BRT
    Para: "previc.gab@previc.gov.br"
    Assunto: Aerus
    Prezados Senhores,
    Gostaria de um esclarecimento:
    Como que este Órgão Governamental se reúne com entidades não qualificadas a nos representar, não pertencemos a nenhum Sindicato, e sim a Associações, devidamente registradas, para nos representar.

    Este fato, no caso, em relação à Fentac, cabe uma Denúncia ao MPF, nós do Aerus, temos representatividades legais, e não vamos admitir tais procedimentos, espero uma explicação, pois caso contrário, entraremos com uma Denúncia junto ao MPF.

    A Previc é um órgão existente para proteger e fiscalizar Planos de Previdência.

    Muito grato por sua atenção.
    No aguardo,
    Atenciosamente,

    Heitor Rudolfo Volkart - Aerus.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-