sexta-feira, 25 de março de 2016

Ministra Cármen Lúcia a Roberto D'Ávila: "A toga não é minha é do Brasil"

"Difícil não é julgar o impeachment de um presidente; mas defender direitos de aposentados."


Via: Ever Botelho, 25-3-2016

3 comentários:

  1. Admirável !

    ResponderExcluir
  2. Eis um Exemplo de Mulher!
    Grande Jurista !
    Deixa o Coração de lado, quando veste a Toga, e passa a interpretar a Lei!
    Será com certeza uma Presidente do STF que ficará para a História do Brasil!
    Para nós Aposentados do Aerus, ela já entrou para História, quando condenou a União a Indenizar a VARIG, dizendo que a Ação estava como garantia de pagamentos ao Aerus, em juízo!
    Que Deus a Abençoe!!!
    H Volkart

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-