sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

"Hoje, o país está como em 1964"


Fernando Batalha
Jango foi deposto por uma quartelada que teve o apoio de milhões de brasileiros que foram às ruas na MARCHA COM DEUS, PELA PÁTRIA E PELA LIBERDADE, festejando a auto deposição de um presidente corrupto, alinhado às ditaduras do leste europeu e da China de Mao. A situação política estava insustentável e o povo, como em junho deste ano, protestava veementemente. No dia seguinte ao do “GOLPE”, que, na realidade, foi um contra golpe, a imprensa de todo país publicou editoriais em que a tônica era a salvação da democracia pelos militares.  

Hoje, o país está como em 1964. Pergunte aos mais velhos, pessoas que foram testemunhas oculares da História (verdadeira, não a que está sendo forjada pela infame cnv), o que foi o governo militar. O Congresso que restaurou o mandato de Jango é o mais corrupto e repudiado pelo povo brasileiro em todos os tempos (tem 91% de rejeição popular), enquanto que as Forças Armadas, que, aliadas ao povo, o depuseram, contam com 75 % de apoio popular. Esta é a verdade que ninguém pode negar.
Título e Texto: Fernando Batalha, 20-12-2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-