quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Damasceno, o pescador cego de Marajó

Vi esta reportagem na Record News há menos de uma hora. Vim em busca do vídeo. Nossa!, de outubro 2015! Faz dez meses! Não entendo o deboche (e desonestidade) desse canal de TV ao (re)passar matérias como se atuais fossem, sem qualquer menção à data original da emissão da matéria.

Mas a emoção que senti ao assistir à matéria falou mais alto do que a picaretagem da emissora. Porque histórias de superação (e de empreendedorismo) me comovem! Muito mais, nesta 'atualidade ' construída de coitadinhos e de minorias de militantes de ideologias políticas. Taí a reportagem!

Na Ilha de Marajó, no estado Pará, vive Damasceno dos Santos, um homem que, apesar de cego, enxerga a beleza da vida e os peixes no fundo do rio. Ele é pescador e sua ferramenta de trabalho se resume às mãos. Confira!

Um comentário:

  1. Oxalá esse 'menino' possa conservar (e fortalecer) essa energia irradiadora e que NUNCA se deixe contaminar (e enfraquecer) por oportunistas ONG!

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-