domingo, 15 de maio de 2016

Um filho de sua mãe

Rui A.
Falar duas vezes seguidas neste tipo, eu sei, é quase masoquismo. Mas espanta-me que o Bloco de Esquerda e o Professor Louçã, tão azedados com o «golpe de estado brasileiro» contra Dilma e Lula, o golpe de estado mais longo e tecnicamente demorado da História, donde eles antevêem coisas tremendas para a democracia do Brasil, não se manifestem em apoio a esta medida do camarada Maduro, o chefe de estado venezuelano que, depois de ter escavacado a economia do seu país, manda prender os empresários que vão à falência.

A medida de Maduro, um verdadeiro filho de sua mãe, é patriótica e revolucionária, e merecedora dos mais altos elogios dos seus camaradas. Quem sabe possa ser mesmo uma boa solução para pôr Portugal a produzir e resolver, de vez, o problema das contas públicas.
Título e Texto: Rui A., Blasfémias, 14-5-2016

Relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-