segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Documentário “Silenciados” denuncia impunidade de menores criminosos e fala em linguagem política

Luciano Henrique

Existe algo de extremamente agoniante em ouvir a direita brasileira – ou mesmo qualquer oposição republicana – balbuciar alguma coisa. Torcemos para ouvir algumas palavras politicamente bem encaixadas, mas nos deparamos quase sempre com reações espasmódicas desordenadas. Foi assim que o lema “bandido bom é bandido morto” se popularizou, enquanto na verdade poderiam gastar mais tempo apontando as vítimas da impunidade. Mas só poderão fazer isso se internalizarem em seu subconsciente de que a linguagem da guerra política envolve não apenas atacar, como também falar ao coração.

Na página do documentário “Silenciados”, do Facebook, encontramos a descrição do trabalho (em dica do Reaçonaria):

“Este é o trailer do documentário nacional “Silenciados”. Nele, diferente do que acontece na grande maioria dos filmes e seriados brasileiros, você não verá a defesa de quem comete crimes ou a relativização da violência. Não verá “especialistas” jurando que menores infratores são incapazes de perceber que assassinar alguém é errado. Não verá nenhum sociólogo dizendo que há “muitas prisões” no Brasil, esquecendo-se de dizer também que a maioria dos crimes sequer é investigada. Em “Silenciados”, você conhecerá apenas o drama e a luta de quem teve a vida transformada pela ferocidade da violência brasileira, que não escolhe cor, lugar ou classe social. A violência de quem não é suficientemente alertado pela sociedade e pelas leis de que não se deve, em hipótese alguma, tirar a vida de outra pessoa. “Silenciados” está sendo financiado de forma privada, sem qualquer verba ou apoio estatal. A única chance de levar este documentário ao público é tornando-o conhecido a ponto de que ignorá-lo passe a ser impossível. Assista ao trailer: se gostar, não curta apenas: comente e compartilhe também. Se não gostar, entre no debate.”

Não assisti o filme, mas com certeza o farei. O que podemos garantir, logo de partida, é que eles conseguiram falar politicamente, ao menos no que podemos presenciar no trailer abaixo:


“Sem censura. Sem justiça. Sem Rouanet.
'Silenciados' é o documentário que parte de alguns dos mais noticiados casos de violência no Brasil para discutir temas polêmicos como impunidade, segurança pública e redução da maioridade penal. Com depoimentos das verdadeiras vítimas da violência brasileira: mães e pais de jovens assassinados banalmente.
Se você está cansado de ver filmes nacionais em que os bandidos parecem ser as verdadeiras vítimas, 'Silenciados' é para você.
Curta, comente e compartilhe.”
Título, Imagem e Texto: Luciano Henrique, Ceticismo Político, 31-1-2016

3 comentários:

  1. Olá, poderia reproduzir seu texto na minha pagina no Jusbrasil, dando os devidos créditos?
    Queria muito divulgar o filme e estou totalmente sem inspiração para escrever.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-