terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Pesquisa de opinião: Quem serão os nomeados para a corrida?

Pelo Partido Democrata:











Bernie Sanders, Senador pelo Estado de Vermont, (desde 2007)
Hillary Clinton, Secretária de Estado (2009-2013)

Pelo Partido Republicano:


Ben Carson, Neurocirurgião de Maryland
Donald Trump, Empresário de Nova Iorque
Jeb Bush, Governador da Flórida (1999-2007)
Marco Rubio, Senador pela Flórida (desde 2011)
Ted Cruz, Senador pelo Texas, (desde 2013)
Outros 

‘Vote’ aqui na barra lateral direita 

37 comentários:

  1. Atenção, generoso leitor:
    A pesquisa quer saber QUEM você julga que vai ser NOMEADO pelo seu partido.

    Posteriormente, nomeados os candidatos à presidência dos EUA, elaboraremos uma pesquisa sobre quem você acredita que ganhe as eleições ou, se tiver direito a voto, em quem você vai votar.
    Obrigado:

    ResponderExcluir
  2. Neste momento o resultado está assim:

    Donald Trump (Partido Republicano): 5 votos

    Hillary Clinton (Partido Democrata): 3 votos

    Bernie Sanders (Partido Democrata): 1 voto

    Ted Cruz (Partido Republicano): 1 voto

    ResponderExcluir
  3. É muito fácil escolher no bipartidarismo, mas sempre há um porque.
    Digamos que um país tem IDENTIDADE.
    Enquanto em nosso país esquecemos caracteres de identidade éticos e morais. tais como família, símbolos nacionais, ética e moral, relevando nossa história ao esquecimento, cultuando futebol, carnaval, funk axé, rap, diversidade e a tal política do gênero, pergunta-se qual a identidade desse povo?
    É mais fácil dizer-se gaúcho, carioca etc e tal... do que dizer-se com orgulho sou brasileiro.
    A primeira coisa que o americano considera como sua identidade é a história de seu país.
    Comparando os republicanos chamados conservadores, que tem políticas econômicas relevantes com os banqueiros e as grandes empreiteiras, tal e qual o PT, que os imbecis chamam de socialistas.
    Nessa linha vocês acham que eu apoiaria o partido republicano, mas não, quero o radical Donald Trump para continuara defendendo a política de identidade do povo americano, e por óbvio Jair Bolsonaro para os Brasileiros.
    fui...


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Rochinha!
      Me parece que os 'socialistas' estão no Partido Democrata: Obama e o candidato à nomeação, Bernie Sanders, são bons exemplos, este mais do que aquele, que é dissimulado.

      Partilho os mesmos valores defendidos pelo deputado Jair Bolsonaro, mas não acho a pessoa certa para a presidência do Brasil.

      Com todo o respeito pela sua opção, penso que chega de eleger para a presidência do Brasil, perigoso boçal, dislálica esquerdista, corrupto feiticeiro, etc...
      A presidência de um país, ainda mais com a dimensão do Brasil, é uma coisa muito séria. Mas uma grande (e triste) maioria de brasileiros, como boa carnavalesca, insiste em votar em... "figuras".
      Fui e já volto!

      Excluir
    2. Eu não escrevi que os republicanos são socialistas, fiz em sentido irônico que os petistas são socialistas e adeptos das políticas econômicas dos republicanos.
      Quanto a minha opção, vou dizer o que penso dos que seguem carreiras militares.
      São honestos, éticos e conservadores.
      O militar em si é um estudioso, sempre age em conjunto com sua tropa, na hora de mandar usa antolhos, só recebe ordens de que está a sua frente.
      O PT não é um partido socialista, nem comunista, é um projeto de ditadura de longo prazo. Veja que com tudo que acontece a anta não demitiu os mais de 100000 cargos comissionados.
      Voltei e já fui...

      Excluir
    3. Bom, brincadeiras à parte, nem sei se o partido dos trambiqueiros tem alguma ideologia, se é de direita ou de esquerda... mais me parece uma aglomeração de pivetes esperando para assaltar....

      Quanto a Donald Trump, que os esquerdistas rotulam de "extremo qualquer coisa", na minha presunçosa opinião ele vocaliza a América profunda. Ele e Ted Cruz. Marco Rubio... não sei.

      Mas essa gente, alapada nas aquecidas redações europeias e norte-americanas, que odeia o capitalismo e a liberdade individual, tem sido eficaz em descontruir a belíssima história dos Estados Unidos da América.

      Os europeus, esses daí que eu citei, me causam mais asco, pois não é só a inveja que eles têm pelos EUA, mas a ingratidão!

      Se os EUA não tivessem entrado na segunda guerra, provavelmente hoje não existiria a Europa tal como a vemos hoje, tão cobiçada por... refugiados; não esqueçamos os milhares de jovens norte-americanos que morreram para defender esta Europa; morreram às pencas na praia de Omaha.
      Depois de terminada a guerra, beneficiaram-se do Plano Marshall:
      "Durante esse período, algo em torno de US$ 13 bilhões (13 mil milhões de dólares) de assistência técnica e econômica — equivalente a cerca de US$ 132 bilhões (132 mil milhões de dólares) em 2006, ajustado pela inflação — foram entregues para ajudar na recuperação dos países europeus que juntaram-se à Organização Europeia para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico."

      Hoje, limitam-se a ter inveja obsessiva pelos EUA, que será potenciada se Trump ou Cruz chegarem à Casa Branca.

      Excluir
    4. O plano é o seguinte:
      -Bondade se paga com bondade, maldade não se perdoa, e TERRORISMO SE PAGA COM TERRORISMO.
      Os EUA não precisavam ter entrado na segunda guerra contra os alemães, mas a tal IDENTIDADE com a história e suas raízes assim o fez.
      Trump representa o meu pensamento, todos pagam por um, era assim no meu tempo de colégio, e é assim na caserna.
      O célebre um por todos e todos por um.
      Os EUA ajudaram o Japão na crise asiática.
      Há anos eu cultivo a ideia de que um dólar na carteira sempre será e valerá um dólar, já os meus reais, vão se os anéis ficam os dedos.
      O nosso povo não tem identidade.
      Ninguém toca na imigração africana e sua relação com o ZIKA vírus.
      Ninguém fala que o mosquito torna-se portador ao picar uma pessoa portadora do vírus.
      Querem mitigar que o meu vasinho de flores é criadouro.
      Ora, sou burro em não entender alas de escolas de samba e de não entender os enredos, mas não sou estúpido.
      Agora fui, deito cedo...

      Excluir
  4. Nas primárias dos EUA, Bernie Sanders bateu Hillary Clinton por mais de 20 pontos e Donald Trump parece imparável. Os resultados do New Hampshire, o segundo estado onde se votou nesta pré-corrida à Casa Branca, não deixaram dúvidas.

    Nos republicanos, Trump venceu tranquilamente (35,1%, contra 15,9% de Kasich e apenas 11,6% de Rubio) e fez com que este último, Rubio, o filho de cubanos que parece já ter nascido para ser Presidente, possa nem ser alternativa. Resta-lhe apenas esperar para saber se o D. Sebastião, Michael Bloomberg, avança ou não.

    Já nos democratas, Hillary, que ganhara no Iowa por poucas décimas, levou agora um verdadeiro chega para lá de Sanders: 60% vs. 38,4%. E a nomeação pode começar a ser uma miragem (para ela, claro).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda acredito na nomeação de Hillary Clinton.

      Excluir
  5. Donald Trump: 7

    Hillary Clinton: 5

    Bernie Sanders: 3

    Ted Cruz: 2

    Marco Rubio: 1

    ResponderExcluir
  6. Na hipótese de Trump ganhar a nomeação do Partido Republicano terá pela frente Sanders ou Clinton.

    Disputando a eleição presidencial contra Sanders ou Clinton, Trump terá, além dos eleitores do Partido Democrata, claro!, a imprensa norte-americana e internacional contra ele!

    Se for Sanders o outro candidato, aí Trump será massacrado diariamente, surgirão estórias desabonadoras que, inventadas ou não, jamais serão desmentidas pelos divulgadores; gente de esquerda quererá (e conseguirá) participar nos comícios de Sanders.
    Não se surpreendam com a presença de, por exemplo, Lula, Maduro, Tsipras, o cara do Podemos espanhol, Corbyn, etc...
    Vale uma aposta?

    ResponderExcluir
  7. Donald Trump: 16

    Hillary Clinton: 13

    Bernie Sanders: 7

    Ted Cruz: 6

    Marco Rubio: 1

    ResponderExcluir
  8. Donald Trump: 45
    Hillary: 35
    Sanders: 13
    Ted Cruz: 10

    ResponderExcluir
  9. Trump: 50
    Clinton: 36
    Sanders: 17
    Cruz: 11
    Rubio: 4

    ResponderExcluir
  10. Trump: 56
    Clinton: 42
    Sanders: 20
    Cruz: 14

    ResponderExcluir
  11. Trump: 92
    Clinton: 73

    Serão os nomeados pelo Partido Republicano e Partido Democrata, respectivamente...

    ResponderExcluir
  12. Bom, a depender do que os leitores opinaram nesta pesquisa, Donald Trump e Hillary Clinton serão designados candidatos à presidência dos EUA, pelos seus respectivos partidos, Republicano e Democrata.

    Obrigado pela participação!

    Aguardemos as convenções partidárias.
    Aí, responderemos a outra questão: Quem, você acha, que vencerá as eleições?
    Até mais./-

    ResponderExcluir
  13. Donald Trump: 47.05% (223 Votos)

    Hillary Clinton: 38.4% (182 Votos)

    Bernie Sanders: 6.75% (32 Votos)

    Ted Cruz: 5.06% (24 Votos)

    Marco Rubio: 1.27% (6 Votos)

    Jeff Bush: 1.05% (5 Votos)

    Ben Carson: 0.42% (2 Votos)

    Outro: 0% (0 Votos)

    ResponderExcluir
  14. Por aqui e por enquanto temos:
    Donald Trump: 236
    Hillary Clinton: 186
    Bernie Sanders: 33

    ResponderExcluir
  15. Donald Trump: 248 (48,34%)
    Hillary Clinton: 192 (37,43%)

    ResponderExcluir
  16. Donald Trump: 294
    Hillary Clinton: 229

    ResponderExcluir
  17. 613 opiniões:
    Donald Trump: 303
    Hillary Clinton: 235

    ResponderExcluir
  18. Donald Trump foi NOMEADO ontem, terça-feira, 19 de julho de 2016.
    E Hillary Clinton será nomeada na próxima semana.

    ResponderExcluir
  19. A enquete recebeu 664 opiniões.
    Donald Trump: 332
    Hillary Clinton: 257

    Os nossos leitores acertaram: Trump foi nomeado nesta semana, a Hillary será na próxima.
    Muito obrigado pela participação.

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-