sábado, 5 de março de 2016

Um estopim chamado Delcídio

Almir Papalardo

A população brasileira vive momentos de incômoda agitação, de grande tensão social e política, preocupação das nossas forças armadas responsáveis pela manutenção paz, de turbulências, de incertezas, de intranquilidade, de temor e perplexidade, tirando o sossego dos pacatos, ordeiros e submissos cidadãos brasileiros.

A “delação premiada” do senador Delcídio Amaral, um forte líder do governo, um aliado petista dentro do próprio Senado Federal, estourou como uma potente bomba no seio do quartel-general petista, impactando e assustando todos os atuais arrogantes e autoritários líderes do Partido dos Trabalhadores. Abaixem a crista porque vocês não são os donos do mundo!

A tudo isto, assistindo de camarote, comendo o mingau pelas beiradas, as prejudicadas e desprezadas categorias de aposentados, sentindo-se mais leves, com a alma lavada, desagravados, veem que as pragas anteriormente mandadas, estão agora se materializando!

Não se trata aí de um mesquinho sentimento de vingança, de um ódio mortal contra nossos malfeitores, e sim, da validade de um sábio e infalível ditado popular que diz: “-Quem com ferro fere, com ferro será ferido”.

Vocês feriram durante 13 anos, com a ponta de um ferro em brasa, velhos e indefesos aposentados, negando-lhes direitos adquiridos, com a torpe intenção de nivelar todos os aposentados do RGPS, em apenas um salário mínimo.

As poucas vezes que os aposentados tiveram as esperanças renovadas, com a aprovação de projetos e/ou emendas em sessões plenárias, Lula e Dilma, perversamente, os vetavam! Estão agora sendo contemplados com a “lei do retorno”, porque, não se castigam velhos inocentes e indefesos, sem que colham, futuramente, talvez em dobro, o fruto de tamanha maldade. 

Reclamam que estão sendo duramente perseguidos? Lembrem-se que vocês perseguem perversamente quase dez milhões de aposentados! São nessas horas em que muitos se sentem injustiçados, julgando que não mereciam passar por certas adversidades, e que, parecendo também que me desviei do assunto, o fiz propositalmente, para lembrar-lhes que, a perseguição ao Lula e Dilma que vocês acham tremendamente injusto, é simplesmente o retorno da perseguição que vocês fizeram ao longo do tempo aos infelizes aposentados...

E a você, Delcídio Amaral, que tantas vezes pedi que votasse a favor dos aposentados, que olhasse para o nosso problema com mais justiça e sensibilidade, quando, naturalmente, meus e-mails iam para a lixeira, estás colhendo o que plantou! Destruiu pela imprudência sua brilhante carreira política, por falta de mais amor para com os velhos aposentados, ao contrário do senador Paulo Paim, que embora ainda pertença ao PT, usufrui da admiração e respeito dos aposentados, pela sua discordância quanto aos nossos surrupiados direitos... 
Título e Texto: Almir Papalardo, 4-3-2016

Um comentário:

  1. Caro Almir, espero que este Senador Ladrão abra o bico ainda mais, e entregue seus companheiros do Congresso, estes fdps que votaram contra as nossas Aposentadorias, esta corja, esta quadrilha, desta Máfia que nos governou estes anos todos.

    Aí vai mais uma praga de aposentado!!!
    Um abraço
    H Volkart

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-