sábado, 18 de março de 2017

Discurso de Marine Le Pen, Metz, sábado, 18 de março


Acho hilário ver e ler comentadores e comentadeiros falar (mal) desta candidata, como de outros candidatos em diferentes países, sem nunca ter lido ou ouvido um único discurso do candidato ‘comentado’.

Imagens: Captura de tela do Youtube

Basta-lhes papaguear a ‘opinião’ panfletária deste ou daquele ‘jornalista’ (ou prêmio Nobel. De Economia, são os preferidos), reconhecidamente catequistas de ‘valores’ (e rancores) de esquerda e/ou de extrema-esquerda.

Esses papagaios afunilam-se na intenção (e promessa) de Marine Le Pen de recuperar para a França os valores e costumes franceses (Ocidentais) "Rendre la France à la France!", – no que estou plenamente de acordo – mas não comentam o seu (dela) programa econômico – que, digamos, me assusta um pouco pela sua apetência pela nacionalização ou estatização –, muito curiosamente parecido com os programas e ideologias dos partidos berços dos tais comentadeiros. Repare na foto abaixo.


Esses aí de cima não são populistas. São lindinhos, amorosos, anjinhos e... patriotas!

O discurso de Marine Le Pen:


Relacionados:

Um comentário:

  1. Estou, há quase duas horas, assistindo à France 24 (queria ver o que diriam do discurso de Marine Le Pen). Sobre as eleições francesas, até agora, vi um pequeno debate com uma representante de Benoit Hamon e, por DUAS VEZES, quer dizer, a mesma matéria DUAS VEZES, o comício do extremista de esquerda, Jean-Luc Mélenchon!
    Pois é...

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-