quarta-feira, 16 de setembro de 2020

Israel, Emirados Árabes e Bahrein assinam acordos históricos

Os dois países do Golfo Pérsico são de maioria muçulmana e, até então, eram inimigos do Estado israelense

Afonso Marangoni

Israel, Emirados Árabes Unidos e Bahrein assinaram nesta terça-feira, 15, acordos de normalização das relações. 

O ato histórico ocorreu na Casa Branca e contou com a articulação do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que disputa a reeleição em novembro. 

Foto: Casa Branca

Os dois países do Golfo Pérsico são de maioria muçulmana e, até então, eram inimigos do Estado israelense. 

“Esses acordos marcam o amanhecer de um novo Oriente Médio”, afirmou Trump durante a cerimônia, que contou com a presença do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu.

O estabelecimento de relações também visa a reequilibrar as forças no Oriente Médio. Emirados Árabes e Bahrein se contrapõem ao regime iraniano, que também é o inimigo número 1 dos EUA na região.

Além de Trump e Netanyahu, estiveram presentes o ministro das Relações Exteriores dos Emirados Árabes, xeique Abdullah bin Zayed al-Nahyan, e o ministro de Relações Exteriores do Bahrein, Abdullatif Al Zayani. 

Título e Texto: Afonso Marangoni, revistaOeste, 15-9-2020, 16h30

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-