sábado, 19 de fevereiro de 2011

PMERJ e CBMERJ: Grande Marcha do Rio - 27 de Fevereiro, Copacabana, Posto 6

Em 2007, Oficiais e Praças da PMERJ e do CBMERJ criaram uma mobilização na luta por melhores salários e por adequadas condições de trabalho, levando a nossa luta para as ruas do Rio de Janeiro e fizeram história, pois pela primeira vez Policiais Militares e Bombeiros Militares unidos, organizadamente lutavam por seus direitos.
Era o início do governo Sérgio Cabral.
A mobilização foi crescendo e os fatos históricos foram se multiplicando, culminando com memoráveis marchas de PMs e BMs na orla do Leblon, isso no início de 2008.
O governo reprimiu duramente a mobilização, mas não conseguiu sufocar o grito de cidadania, que continuou e continuará até que a cidadania plena seja alcançada.
Nessa sexta-feira, no Shopping Nova América, PMs, BMs e familiares escreveram uma nova página na história, realizando uma reunião aberta e em local público, com a participação de Oficiais e de Praças das duas corporações, que de forma democrática e igualitária discutiram temas relacionados com a Grande Marcha do Rio, que será realizada no dia 27 FEV 2011, na Praia de Copacabana, com concentração a partir das 10:00 horas no Posto 6.



Em apertada síntese, eis as principais proposições:
- Nova reunião foi agendada para o dia 25 FEV 2011, às 14:00 horas, em local a ser definido, para os ajustes finais da Grande Marcha do Rio. Todos estão convidados.
- Um convite para o ato cívico-democrático será disponibilizado nos blogs e encaminhado por emails para ser afixado nos quartéis, além disso, a partir de terça-feira estaremos distribuindo convites nas ruas e nos quartéis.
- A Grande Marcha do Rio funcionará como uma grande assembleia de Policiais e Bombeiros Militares, realizada na rua pública, ao lado do povo, onde democraticamente decidiremos os novos passos da mobilização.
- Não serão feitas críticas aos governantes no evento.
- No ato será criada uma comissão de Oficiais e Praças das duas corporações que funcionará como interlocutora com o governo Sérgio Cabral.
- Apesar da existência de inúmeros problemas, o foco será a questão salarial e a luta será pela aprovação do piso nacional contido na Emenda Aglutinativa 2/2010 (PEC 300 e PEC 446) de modo que esse piso tenha por base o valor de R$ 3.500,00. Além disso, pretendemos sensibilizar o governo estadual para que o reajuste a ser pago em 48 vezes, seja pago em 24 vezes para todos, como está ocorrendo com os delegados da Polícia Civil.
Hoje fizemos história, nos dias 25 e 27 FEV 2011 estaremos esperando vocês para um novo capítulo da história do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.
Ratificamos o convite para os Policiais Civis participarem da mobilização.
Por derradeiro, agradecemos a vigilância velada presente, o que garante maior segurança.
JUNTOS SOMOS FORTES!
PAULO RICARDO PAÚL
PROFESSOR E CORONEL
Ex-CORREGEDOR INTERNO
Brasão do Cel. Paúl

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-