quarta-feira, 2 de janeiro de 2019

Discurso de Posse de Sergio Moro

13 comentários:

  1. No momento palestra ao vivo na tv do Paulo Guedes..o cara sabe tudo!
    Só uma coisa que ele disse, estão diminuido até os 100 dias de governo,mão de o obra federal diminuira em até 30 por cento, ja é caminho
    Se ninguem atrapalhar, Moro e Paulo Guedes podem tirar o país do buraco!
    Promete uma semana medidas que parecem simples,mas que revolucionarão a economia.
    E disse que este governo já anunciou que não pretende releição, então não farão medidas simpáticas, mas eficientes!




    O novo governo vai libertar- se de comceitos fascistas, e governarão para as futuras gerações.
    A geração atual terá que pagar, mas libertará os filhos e netos desta.
    Principalmente reformando a previdência sem previlégios.
    E tem como linha os "chicago boys", o aue confesso, ptetendoe informar para saberexatamente o que significa



    À conferir!

    Paizote

    ResponderExcluir

  2. Chicago boys

    https://youtu.be/jHVkr8l9MDU

    ResponderExcluir
  3. Se no futuro Moro ou Guedes se candidatarem,mesmo um cara que não coseguiu votar no Bolsonaro ( não dava e ainda não dá !)pode repensar sua decisão de sempre,em todas eleições anular o voto! Bolsonaro é Caxias" demais! O que na vida militar é qualidade,mas na vida civil...
    À conferir!

    Paizote

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em 1973 indo para o curso de F/E eu sofri "bulling".
      Meu pai era caxias, chamado de CDF e por acaso alguns F/Es antigos detestavam ele por terem sido demitidos naquela época.
      Meus CHEQUES SEMPRE FORAM DIFERENCIADOS, MESMO ASSIM PASSEI POR ELES.
      Tenho a maior honra de ter sido filho de um CAXIAS E CDF que se aposentou com 35 anos de VARIG.
      Desculpas mas ser CDF militar ou civil são méritos indiscutíveis, ainda mais na aviação.
      Em 1970 fiz curso de atuadores hidráulicos de profundores e leme de direção de B727 em Seattle, na Boeing.
      O que me levou a ser dispensado para ser f/e por minha chefia, foi um episódio da pane de profundor de um 727 em Porto Alegre.
      Não havia o rolamento quebrado do 727 em estoque.
      Era domingo e fui chamado em casa.
      Não havendo o rolamento quebrado em estoque mandaram -me do RIO um "part number" de um alternativo.
      ME NEGUEI A FAZER A TROCA, POIS O MANUAL NÃI TINHA ROLAMENTOS ALTERNATIVOS.
      Chamaram minha chefia e a mesma fez a troca.
      2 horas depois o 727 decolou e POUSO EM EMERGÊNCIA 10 MINUTOS DEPOIS, o rolamento havia quebrado.
      O CDF do Rochinha escapou de ser demitido, o chefe colocou a culpa na interferência da manutenção do Rio.
      Se eu não fosse Caxias, teria sido demitido, era a parte mais fraca.
      Devo isso a meu PAI.
      fui...

      Excluir
    2. Meu caro ,permita, Caxias e CDF são coisas totalmente diferentes.
      Se vc chamar um militar de Caxias ,pode ser entendido pelo mesmo como elogio, mas não arrisque a chama-lo de CDF. (Vulgarmente Cù de Ferro!)
      Fui sargento do exercito e presiencei brigas por causa disto , o Bolsonaro é "Caxias" e no meio militar isto é bem visto, só tenho dúvidas se a sociedade civil dos dias atuais entenderá assim!

      Paizote

      Excluir
    3. Confessa logo e de uma vez que tú é PT...

      Excluir
  4. Acho que para entender Bolsonaro, seria bom estudar a vida de Pinochet , que parece,eu disse parece, a linha do novo governo.

    Uma das pessoas mais controversas na história , e esse é Augusto Pinochet, muitos oposicionistas costumam atribuir a ele o título de ditador mais cruel da história.

    Enquanto alguns que o apoiaram, preferem contemplar a figura de Pinochet como o responsável de todo o desenvolvimento econômico do chile das últimas décadas.

    O Chile é ainda hoje uma economia muito próspera , inclusive a previdência social foi privatizada com sucessso, como é a idéia para o futuro,no novo governo .

    Se não para nós, pelo menos para os nossos netos!

    Para entender o novo governo, gostando ou não , precisamos nos atualizar sobre a história do Chile, que parece teremos como paradigma.

    Pinochet foi carrasco com os adversários , e um pai para os apoiadores , tudo numa mesma controversa criatura.

    Qualquer semelhança pode não ser mera coincidência!

    Paizote



    paizote

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não só discordo, como repudio essa comparação.
      Jair Messias Bolsonaro foi ELEITO!
      E não irá perseguir e PRENDER opositores (de esquerda) em estádios de futebol!!
      Para "entender o novo governo" (de Bolsonaro) basta olhar para os lados quando caminhamos pelas ruas das cidades e vilas brasileiras!
      Basta nos atualizar com a recente história do Brasil - para tal, é suficiente relembrar os discursos dos 'acidentes' que governaram o Brasil nos últimos treze anos.
      Saudações!

      Excluir
    2. JIM!
      Espero que estejas certo ,o que menos precisamos é de um radical no governo, seja de que ideologia for , mas o que se pode notar é que há referências ao Pinochet , militares no poder como no chile ,simpatia pelo governo da época e da atual situação e em contrapartida repudiando o mercosul ,isolando argentina, uruguai e paraguai.

      Vamos dar um tempo , pois ainda é cedo , mas que existe concidências ...isto ninguém pode negar!

      Mas talvez eu esteja errado , mas que parece ...ahhh!

      E na minha opinião, salvo a perseguição fanática aos contrários, e o fato de ter sido uma ditadura sanguinária, o resultado no chile foi positivo, pelo menos do ponto de vista econômico.

      E a hora que Bolsonaro elogiou o Collor durante o discurso...foi de morrer..

      paizote

      Excluir
    3. O que ficou patente é que o governo Pinochet serve de inspiração para o governo Bolsonaro, e foi exatamente o que eu disse !

      Eu não citei que a tirania , e os crimes seriam a inspiração!
      Até porque com Moro na justiça, isto não sería permitido!

      VIde textualmente o que escrevi; "Acho que para entender Bolsonaro, seria bom estudar a vida de Pinochet , que parece,eu disse parece, a linha do novo governo."

      Fui rever pensando ter dito alguma besteira mas, não !

      Talvez não tenha sido entendido , mas o que quis dizer é que governo Bolsonaro, busca referências no governo Pinochet.

      E isto não dá para negar!

      Se é ruim ou bom , depende da interpretação de cada um , o ministro Paulo Guedes tem como positivo, pelo menos na área econômica.



      paizote

      Excluir
  5. Pois eu achei a lembrança (elogio) de uma medida/iniciativa do ex-presidente Collor de Mello um belo 'straight flush'. Afinal, o Governo vai precisar dos votos dos senadores e deputados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, como o apoio a Rodrigo Maia!
      Apenas afago visando interesses futuros.É da politica!
      Salvo como mos recentes governos do PT,que incluia compensações finaneiras. Isto eu tenho certeza que ficou no passdo, não há mais lugar para esta politica velhaca!i

      Paizote

      Excluir
  6. Uma notícia aí para somente os petistas comunistas e mascarados dos comentários:
    Na última sexta-feira, o Diário Oficial da União publicou a conclusão de um processo aberto ainda na gestão Dilma Rousseff contra o desembargador Rogério Favreto — aquele que mandou soltar Lula durante o plantão.
    “Ele foi investigado quando era secretário de Reforma do Judiciário, no Ministério da Justiça, por deixar de exercer com zelo e dedicação as atribuições do cargo e inobservar as normas legais e regulamentares. Como punição, foi destituído do cargo, que já não ocupa mais”.

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-