domingo, 6 de dezembro de 2015

A importância das manifestações de 13 de dezembro


Almir Papalardo
Segundo sabemos por intermédio da mídia e das pesquisas, a maioria da população brasileira deseja, sem dúvidas, o impeachment da presidente Dilma. Hoje não se fala noutra coisa! Assim sendo, todos os interessados na concretização daquele impeachment, têm que se conscientizar que, com toda a certeza, essa manifestação do próximo dia 13, será a mais importante e determinante de todas as manifestações até hoje realizadas.

Temos notado que a cada nova manifestação a concentração popular embora continue sempre numerosa, vem sendo cada vez menor em número de pessoas, comparada àquela primeira manifestação, quando fomos às ruas por causa de um simples aumento de R$ 0,20 no preço das passagens!

Se a manifestação programada não atingir um grande número de cidadãos que impressione e pressione o Congresso Nacional, o impeachment da presidente poderá perder força, com sérios riscos de não ser bem-sucedido, propiciando à presidente e a todos os petistas moral suficiente para permanecerem até o fim do mandado e, possivelmente, a volta de Lula!

Lembrem-se que o presidente da Câmara dos Deputados, senhor Eduardo Cunha, está sendo acusado de corrupção, com conta corrente na Suíça, além de pairar dúvidas de que a abertura do processo de impeachment pelo referido senhor, trata-se tão somente de uma vingança pessoal contra a presidente Dilma e sua fanática equipe de seguidores.

Não nos esqueçamos também que para haver o impeachment serão necessários os votos de dois terços de deputados e dois terços de senadores, ou seja, 342 deputados e 54 senadores, o que não será nada fácil, tal o número, até que agora mais equilibrado, de fiéis aliados do governo. O PT ainda tem muita força pelo número total de admiradores.

Este alerta serve para acordar a sociedade brasileira de que o impedimento da presidente Dilma está somente nas nossas próprias mãos, devendo todos os cidadãos divulgarem ao máximo essas manifestações, de nível nacional, (também em algumas cidades do Exterior), devendo todos comparecerem, se possível levando sempre familiares e/ou amigos, para que todos juntos, alertem aos responsáveis pelos passos brasileiros da necessidade de levarem avante o desejado impeachment!

Divulguem com ênfase e insistência a Manifestação Popular do dia 13 de dezembro, que realizar-se-á em todos os estados brasileiros! Não deixem este desejo popular esvair-se! Só depende de nós!
Título e Texto: Almir Papalardo, 6-12-2015

Relacionados:







18 comentários:

  1. OH!!! Ministério Público Federal, OH!!! Polícia Federal AJUDA A GENTE AÍ!!! A mulher falou que não tem conta no exterior. Vocês sabem que isso não é verdade. Ela era Presidente do Conselho de Administração da Petrobrás quando os diretores seus amigos Cerveró, Renato Duque, Zelada, Paulo Roberto Costa, Baruschi e outros metiam a mão nos cofres da empresa e levavam prá fora. Só ela era boazinha? Óbvio que não.
    Com a admissibilidade do processo de impedimento, agora é para investigá-la. Só ela? Não. Ela, filha, neto(a), ex-marido, amigos(as) íntimos(as). Só contas bancárias no exterior? Não, também no Brasil, inclusive imóveis urbanos e rurais (fazendas) Façam vossa parte.
    Justiça: o povo precisa ter acesso ao depoimento do Cerveró. Aliás, o filho dele o salvou de ser assassinado. Grande rapaz.
    Por outro lado, ainda, falta o Teori apressar os depoimentos nas acusações contra políticos, inclusive não impedindo nos depoimentos a menção ao nome da Dillma, mas também do Lulla.
    Estamos quase nos livrando da quadrilha que tomou o governo federal de assalto, para enriquecerem-se individualmente e o próprio Comando dos supostos trabalhadores (PT). Estão com o poder político e queriam também o poder econômico do “Grupo”.
    ANTONIO AUGUSTO.

    ResponderExcluir
  2. Muitas pessoas ainda não entenderam que o PT é uma quadrilha de bandidos, e nesse momento é comandada por Dillma. Não adianta dar outro papel à ela. Não tem aparecido mais envolvimento dela nas mazelas por uma razão simples: o Sr. Janot entende que pelo fato de ela estar na vigência do mandato, não pode ser investigada, o que, aliás, é uma distorção de interpretação jurídica do § 4º do art. 86 da C.F. Essa distorção a está beneficiando. O que a C.F. diz é que durante o mandato a presidente não pode ser responsabilizada. Mas investigada pode e deve, para responder depois do término do mandato.
    Explicando melhor: a investigação a que refere o § 4º do art. 86 da C.F. são os atos estranhos ao exercício da presidência da República.
    Vale dizer: podem e devem ser investigados os atos praticados pela Dillma quando no Ministério das Minas e Energia, e o consequente exercício da presidência do Conselho de Administração da Petrobrás, assim como do tempo na Casa Civil.
    O tempo de exercício da presidência da república tem tratamento diferente na C.F.
    ANTONIO AUGUSTO.

    ResponderExcluir
  3. Caro Almir, não só por seres um defensor ferrenho dos Aposentados Brasileiros, que te Considero um grande Cara, Coerente, verdadeiro e lúcido em suas explanações.

    Está na mão da População Brasileira a escolha de mudar este Desgoverno. Estejam onde estiverem, saiam as Ruas, a menos que queiram que esta Máfia continue a dominar os Três Poderes, e espero que o Judiciário acompanhe o STF, esta é a nossa grande Esperança.

    Prezado Antônio Augusto, você está certíssimo, todas as suas afirmações são verdadeiras, comungo das mesmas convicções, todos devem ser investigados, esta proteção a investigações está obscura, deixa a Sociedade com muitas incertezas e desconfianças.

    O Pais precisa ser passado a limpo!
    Chega de "maracutaias" expressão bem Lulista. A Máfia tem seus tentáculos, e a "Anta é Laranja" mas está querendo tomar uma graduação maior na "organização".
    Precisamos acabar com isto.
    Até entendo que a "fraqueza" de quem postula seu lugar, não é o que todos queriam, mas esta mudança é necessária.
    Abraços,
    Até 13 de dezembro!!!
    Volkart

    ResponderExcluir
  4. Chega de sermos esbulhados pelos malditos petralhas. Eles querem viver a custa dos que trabalham, bata! Fora malditos petralhas!

    ResponderExcluir
  5. Enfim, vamos todos para as ruas no próximo domingo dia 13 a fim de dar um baita susto naqueles que têm o rabo preso! Esse pessoal, indigno de ocupar um cargo público, que visa somente seus interesses escusos e particulares, se amedrontam deveras diante de manifestações populares e de eleições que possam decidir um novo rumo para o país. Faço um veemente apelo aos aposentados com condições físicas para participarem, que levem uma bandeirola ou uma mensagem escrita numa cartolina, que possa identificar o perverso massacre que dona Dilma vem fazendo contra o indefeso segurado, que sempre classifica os nossos projetos como "pauta bomba". Procurem outros aposentados para que seja formado grupos coesos e de fácil observação! Ânimo aposentados, se façam notar, será bom para denunciar o desprezo que vimos sofrendo pelo Executivo e o Legislativo, que degradam nossas aposentadorias com a torpe intenção de nivelá-las, no futuro, em apenas 01 (um) vergonhoso salário mínimo!! Poucos da população notam, mas é a categoria dos aposentados, no atual momento, o segmento mais prejudicado da sociedade.
    Um abraço a todos.
    Almir Papalardo.

    ResponderExcluir
  6. Não vejo nenhum problema na assunção do atual vice-presidente, Michel Temer, à presidência da República, substituindo a futura defenestrada. É legal e constitucional.

    E antevejo que ele saberá se rodear de gente séria e competente. José Serra será um deles, com certeza.

    Como fez Itamar Franco, também do PMDB, vice-presidente de Collor de Mello, que puxou Fernando Henrique Cardoso para o seu governo. Inicialmente, como ministro das Relações Exteriores, depois, como ministro da Fazenda.

    E lembro-me bem do extraordinário trabalho dessa dupla que conseguiu tirar o Brasil da famigerada correção monetária, do over night e, at last but not least, aniquilar a inflação de 42,19%! Inflação MENSAL! De janeiro de 1994.

    Portanto, que venha o Michel Temer. O Brasil só tem a ganhar!

    ResponderExcluir
  7. tirar a dilma do poder não vai adiantar nada! vai continuar
    a crise do mesmo jeito.que pensa que vai adiantar alguma coisa
    e burro!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Burro, muito burro, e covarde é você "Anônimo"!

      Excluir
    2. Os petralhas estão falando só de golpe.
      Se o impedimento vier ou não, não tem problema.
      Agora no TSE, o Toffoli não vai ter voto de minerva, lá cai todo o governo.

      Excluir
  8. Só para registro, eu apesar de também achar que tirar a Dilma não resolve tudo , informo que o anônimo acima não sou eu . Acho Dilma uma excrescência política e administrativa. Infelizmente o mal é generalizado ., é tirar uma "merde" e continuar com o mosqueiro. Tem que se buscar uma solução definitiva.
    Paizote.

    ResponderExcluir
  9. A "solução definitiva" virá nas eleições de outubro de 2018.
    Até lá, acredito piamente no governo de Michel Temer, quer dizer, na sua perspicácia, ou raposice, como queiram. Ele, como qualquer político inteligente, irá querer entrar para a História.
    Como já disse por aqui, Itamar Franco quando assumiu a presidência soube se rodear de gente preparada e credível, e fez um bom governo; jamais esquecerei a sua maior conquista para o Brasil: o fim da inflação.

    ResponderExcluir
  10. Prezados, quem discorda com a saída de Dilma, ou está na marginalidade, na clandestinidade, na subversão, ou mamando na tetas gordas do PT (governo).

    A importância de destituir este governo é latente, não podemos continuar com o País como está, por mais três anos.
    O Congresso Nacional, podemos e teremos a chance de "limpar", nas próximas eleições da Câmara e em 18, do Senado.
    Não podemos esquecer os nomes dos 160 que foram contra nós Aposentados, entre outros.
    Quem não tem coragem de assinar, uma opinião, esta deve ser desconsiderada, vem de um "merda".
    Agora temos também, no dia 13, já é domingo, mostrar ao STF nossa indignação, eu até já fiz uma faixa, "socorro STF" antes de sua intervenção na Câmara , já a tinha feito.
    Vamos às Ruas Domingo!
    Abraços,
    Volkart

    ResponderExcluir
  11. Hoje está nas nossas mãos...vamos fazer a nossa parte...vamos para as ruas....mostrar a nossa indignação com a situação que esse desgoverno nos colocou. Depois disso, passaremos a bola para o Congresso Nacional...e depois para o STF...se qualquer um desses dois não resolver...fiquem tranquilos "petistas", que ainda teremos a nossa última cartada: Forças Armadas!!! Ou vocês entregam o poder por bem...ou por mal!!! É IRREVERSÍVEL!!! NÃO TEM OUTRA SAÍDA!!!! O BRASIL VAI SAIR DESSA!!! NÃO VAMOS CAIR NO ABISMO!!!

    ResponderExcluir
  12. A SITUAÇÃO COMO ESTÁ NÃO TEM CONDIÇÕES DE CONTINUAR!!! SE O GOVERNO NÃO CONSEGUE APROVAR NADA ATÉ AQUI.....SE FICAR VAI CONSEGUIR? ESSA É A PERGUNTA QUE EU GOSTARIA QUE ALGUÉM ME RESPONDESSE...PRINCIPALMENTE ESSES QUE DEFENDEM O PT E ESSE DESGOVERNO....VAI SE INSTALAR O CAOS, LITERALMENTE FALANDO. NÃO EXISTE CONDIÇÃO ALGUMA DE CONTINUARMOS POR MAIS 3 ANOS COM O PAÍS PARADO....ESSE PROCESSO É IRREVERSÍVEL...SÓ MUDANDO, VOLTARÁ A CREDIBILIDADE E A GOVERNABILIDADE. DEUS NOS PROTEJA!!! E ILUMINE A CEGUEIRA DESSE POVO!!! VAMOS PRAS RUAS!!! TIRE O RABO DO ASSENTO!!! DEIXE DE SER PREGUIÇOSO!!! FAÇA ISSO PELO BEM DA SUA FAMÍLIA!!! OU SERÁ QUE VOCÊ TAMBÉM DESEJA RECEBER ALGUNS TROCADOS PARA FAZER ISSO!!! ASSIM COMO FAZEM OS MANIFESTANTES "CEGOS" E "ALIENADOS" DO PT QUE AINDA CONSEGUEM DEFENDER O INDEFENSÁVEL!!! INSPIRE-SE!!! COM A PALAVRA EU POSSO ATÉ CONVENCER ALGUÉM...MAS COM O MEU EXEMPLO...POSSO ARRASTAR UMA MULTIDÃO...PENSE NISSO!!! ATÉ A VITÓRIA...ADÃO

    ResponderExcluir
  13. Quem conhece pessoalmente alguém que defenda o PT , isto fora das linhas "interesseiras" da política e de suas ramificações? Eu não conheço!
    Mas vivemos combatendo este ser que vive nas sombras, e perdemos tempo precioso sem alavancar aqueles que tem ideias, propostas...
    Nos interessa mais, "Fora PT" por ser moda, do que descobrir uma forma de substituir democraticamente.
    É como combater uma doença maligna que nos devora, sem programar uma vida sadia. Livre do mal!
    Até para que possamos argumentar, com mais convencimento temos que apontar perspectivas. Do contrário, estaremos "tomando banho e vestindo roupa suja".
    Eu também acho que o tempo do PT se esgotou.
    Ou melhor -e exercitei na prática - este tempo jamais devia ter existido!
    Estou saindo para ir ao centro da cidade , não tenho compromisso com nada nem com ninguém.
    Minha ideologia anarquista moderado, me liberta de panfletarismos.
    Mas vou!
    Vou dizer que eu também não acredito que a manutenção da Dilma possa de alguma forma ser útil ao país.
    Mas, não abro mão de dizer que qualquer destes que estão no "palco político", nada fará de menos ruim ao país.
    E aí, caio no lugar comum de não ter soluções e argumentos convincentes. De não saber dizer até quando teremos que programarmo-nos para a próxima saída ás ruas, com um novo "fora seja lá quem for o próximo".
    Só existe uma solução definitiva...mas esta não é permitida a um povo civilizado, e sim aos bárbaros.
    Vamos lá...talvez nos encontremos nas ruas...mas não estranhe se me notarem com expressão de pouco entusiasmo.
    E que não me permito mais arroubos revolucionários como se fora ainda um jovem sonhador que achava que podia mudar o mundo.
    Hoje me permito - por ter me ficado velho e não sábio ,apenas um pouco mais experiente - a não acreditar na política e nos políticos.

    ResponderExcluir
  14. Como não me permito ficar sem assinar minhas opiniões, o texto acima ,que por distração assim ficou ,considerem assinado Paizote Marques.

    Paizote

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-