quinta-feira, 7 de julho de 2016

Largo de São Carlos: de 8 a 30 de julho. Grátis

A 9ª edição do Festival ao Largo realiza-se entre 8 e 30 de Julho na fachada do Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa

Rita Bertrand

De 8 a 30 de Julho, a fachada do Teatro Nacional de São Carlos, em Lisboa, volta a servir de cenário a um programa de alto nível artístico, com 15 espectáculos nocturnos. É o Festival ao Largo, que chega à sua 9.ª edição com estatuto de clássico das noites de Verão em Lisboa, por ser uma oportunidade única para ver e ouvir, ao ar livre, grandes orquestras, cantores líricos, peças teatrais e bailados, sem ter de se comprar bilhete.


Joana Carneiro, a dirigir a Orquestra Sinfónica Portuguesa (nos dias 8 e 9), abre o festival com Mãos na Pedra, Olhos no Céu, obra que Mário Laginha compôs para o filme sobre o Porto que João Botelho realizou em 2001, no âmbito da Capital Europeia da Cultura. Também a não perder é, a 15, o concerto que assinala os cem anos do convite do governo inglês a Portugal, para participar na Primeira Guerra Mundial.

A ópera Cavalleria Rusticana, de Pietro Mascagni (a 22 e 23) e a trilogia de coreografias contemporâneas (de Balanchine, Forsythe e Hans van Manen), pela Companhia Nacional de Bailado, nas três últimas noites, são outros pontos altos do cartaz - que publicamos, completo, aqui.

Largo de São Carlos, Lisboa

Sexta e Sábado, 8 e 9/7, 21h30 || Orquestra Sinfónica Portuguesa & Orq. Sopros e Percussão do CRAM

Domingo, 10/7, 22h || Orquestra Metropolitana de Lisboa

Quarta e Quinta, 13 e 14/7, 21h30 || Teatro: Sonho de uma Noite de Verão

Sexta, 15/7, 21h30 || Orq. Sinfónica Portuguesa & Coro do São Carlos

Sábado e Domingo, 16 e 17/7, 21h30 || Orquestra Sinfónica Portuguesa

Terça, 19/7, 21h30 || Orq. Sinfónica Juvenil

Quinta, 21/7, 21h30 || Orquestra Gulbenkian

Sexta e Sábado, 22 e 23/7, 21h30 || Ópera: Cavalleria Rusticana

Quinta a Sábado, 28 a 30/7, 22h || Companhia Nacional de Bailado 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-