domingo, 31 de maio de 2015

Minha Homenagem às AEROMOÇAS/Comissários de Voo


Oscar Bürgel
Ao chegar o DIA da AEROMOÇA/Comissário de Voo – 31 de MAIO, sou tomado por um sentimento de saudades, carinho e nostalgia ao lembrar daquelas amigas/colegas de tantos anos, da base POA, SAO e RIO, e que por muitas vezes atravessamos a noite voando a bordo dos majestosos tapetes voadores da Pioneira.

E caminhadas, passeios e compras pelas longínquas e diferentes cidades que tivemos o privilégio de conhecer.

Aquelas interessantes colegas de trabalho com quem falávamos de: “bate-volta, briefing, checador, apresentação, Nova Iorque da missa, da baixaria de LAX, do wule wule, do shopping bag, do Hooters, do Carmine’s, do Bay Side, copetinho, da regulamentação”, e dezenas de outros assuntos específicos de tripulantes, eram também mulheres que administravam suas casas, sua vida financeira, vida sentimental, sua família, seus dólares, libras, franco, (agora euros) …



Entendiam de culinária, moda francesa, londrina, nova-iorquina, e nordestina.

Um plantel de excelentes profissionais, belas mulheres, boas mães, boas filhas e certamente fêmeas para seus parceiros.

Os comissários (as) foram, no meu entendimento, os fortes responsáveis pela grande marca que a PIONEIRA conquistou referente à fama do seu serviço de bordo, baseado no ótimo atendimento que eles, aeromoças e comissários, ofereciam aos nossos satisfeitos passageiros.

Nosso bom trabalho realizado dentro do cockpit (decolagem/pouso/voo nivelado) assim como o bom cardápio seria esquecido logo após o pouso, mas o bom serviço destes profissionais nas longas horas passado a bordo com os passageiros ficavam registradas junto com a marca VARIG e a Rosa dos Ventos.

A atividade estafante, cansativa, num ambiente artificializado, cabine pressurizada e climatizada para permitir nossa existência sem escafandros, era onde realizavam com eficiência seu trabalho e excelência no atendimento.

Chads e Richard Arnold, DC-10, década de 70
Este ambiente impróprio que gera distúrbios à saúde hormonal e outros correlatos, trazendo para as mulheres, antecipadamente, as marcas do tempo, mas saíram vitoriosas.

São Mulheres maduras, com conhecimento do mundo, charmosas, com classe, apresentam sempre uma elegância obtida na bagagem da experiência e vivência internacional não encontrado em nenhum outro grupo feminino.

Os homens que souberam conquistar e manter e ter ao lado uma destas como sua e companheira, certamente lograram êxito na vida familiar, afetiva e economica.

Uma empresa que teve um plantel com este quilate certamente conquistaria uma posição entre as melhores do mundo.

Apresento-lhes desculpas se durante todos os anos em que estivemos juntos, voando pelas aerovias do Mundo, pelos hoteis, jantares com a tripulação, D.Os., condução ou a bordo, etc... eu não tenha sabido dizer ou demonstrado minha admiração por vocês, grandes e lutadoras mulheres, e também aos comissários, pois a rotina obscurece os valores, e inibe os elogios.

Foi um grande privilégio conhecer, estar junto e trabalhar com vocês, e poder manter hoje alguns e algumas na lista de amigos especiais.



Parabéns a todas (os) pelo Dia da AEROMOÇA/Comissário de Voo.
Título e Texto: F/E Oscar Bürgel, 29-5-2015

Relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-