segunda-feira, 30 de setembro de 2019

[Sem rodeios] E o STF (Supremo Tribunal Federal) hein? O que está acontecendo lá e por quê?

Vanderlei dos Santos Rocha

Todas supremas cortes no mundo são partidárias.

Os juízes da suprema corte americana são vitalícios, mas com competência diferente do nosso.
Como nos EUA os estados (são) confederados, ela julga o litígio entre eles, a disputa de terras entre dois cidadãos ou mais. Isso obriga a que cada estado tenha a sua própria suprema corte,
que podem enviar processos para a suprema corte constitucional.

A suprema corte americana não julga crimes comuns, exceto se violarem a constituição. Como a nossa julga todos os processos constitucionais.

Juízes de ambas podem ser removidos, pelo senado e pela própria corte por condutas consideradas crime.

No Brasil qualquer processo vai ao STF.

Quando o Collor abençoou os devedores do BNH com quitações das dívidas, eu havia quitado minha casa com o fundo de garantia naquele ano.

Entrei na justiça em Porto Alegre a o processo comum acabou indo para o STF que deu-me ganho de causa após vinte e três anos. Processo esse que poderia ter sido julgado na justiça comum.

O nosso problema maior é que não estabeleceram limites constitucionais ao nosso STF, tais como legislar e reformar normas legais.

No Brasil se invadirem sua casa e destruí-la, você é que tem que provar que a casa é sua e depois de anos recebê-la de volta, possivelmente com danos feitos por pessoas sem condições sociais de pagá-los.

Temos um STF que é extremamente aristocrático.

Explico por quê:
Um preso pobre comum julgado culpado por erro da justiça, não consegue litigar junto ao STF.
Sobre o STF de hoje e pelas nossas leis somente o senado pode litigá-los.
Como o STF é corporativo, somente se um deles cometer um crime hediondo poderia ser julgado pelos pares. Somente um golpe legislativo poderia destituir todos.

Relembrando, nosso AERUS quantos anos levaram para julgar a defasagem tarifária?

O corporativismo entre nossos três poderes falou mais alto.

Com o PT e o PMDB legislando por 33 anos poderiam até tê-la arquivado.

NÓS NÃO TEMOS TRÊS PODERES.

Porque nosso executivo não manda porra nenhuma.
O conluio corporativo de congresso e do STF manda no Brasil desde 1828 época em que "a casa de suplicação" trazida por Dom João VI foi transformada e STJ e depois 1889 em STF.

O corporativismo destruiu a vida de um dos maiores brasileiros já visto, Dom Pedro II.

Não faço, não publico, ofensas ao STF.

Passo o tempo todo suplicando que nosso povo vote melhor.

Não podemos eleger um presidente sem que seu partido tenha maioria no congresso.

Alguns citam o parlamentarismo. Imaginem Rodrigo Maia primeiro-ministro, cargo que ocupa sorrateiramente.

Somente uma nova constituição realmente cidadã nos daria ISONOMIA de direitos e deveres.

Enquanto ESTA não vem, eles continuam aumentando seus salários e seus direitos.

Sinto decepcioná-los por não encontrar razões para críticas agressivas ao STF.

Afinal, foram os votos imbecis que elegeram os congressistas, tivesse Bolsonaro 41 senadores aliados, essa corja já teria saído.
Texto: Vanderlei dos Santos Rocha, 29-9-2019

Anteriores:

2 comentários:

  1. Não nos respondeu ao que está acontecendo. Fez um exercício entre duas cortes supremas (dos EUA e Brasil).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sinceramente eu considero que respondi.
      Não pode haver impedimento nem fechamento ou troca do STF sem GOLPE LEGISLATIVO OU MILITAR.
      Escrevi CONLUIO do STF e CONGRESSO.
      Escrevi que nosso presidente não tem o apoio do congresso.
      Devia ter pelo menos 41 senadores apoiando.
      O EXERCÍCIO SOBRE DUAS CORTES É PARA MOSTRAR QUE TRUMP TAMBÉM NÃO TEM APOIO NA PRÓPRIA CORTE MAS TEM APOIO NO SENADO.
      Não há como destituir nosso STF pelo senado, precisaríamos de pelo menos 4 impedimentos na corte.
      NOSSO STF LEGISLA PORQUE O SENADO PERMITE.
      Sem mudar a constituição nada se pode fazer.
      Sem dar maioria no senado a um presidente nada se pode fazer.
      O povo precisa fazer o "mea culpa".
      Poderia dar uma outra razão, escrevendo que o DIREITO ROMANO (LATRINO) é uma merda. tivéssemos o DIREITO COMMON LAW, TERÍAMOS OUTRO CAMINHO.
      Um detalhe que para mim passa desapercebido aos demais e´que se a corte fosse menor 2 juízes teríamos decisões melhores e mais rápidas.
      bom dia

      Excluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-