sábado, 21 de dezembro de 2013

"Estamos chegando ao final de 2013 com esperança de solução para nossos problemas"

Thomaz Raposo
Caros colegas participantes, beneficiários e ativos das diversas empresas inscritas no fundo AERUS, estamos chegando ao final do ano de 2013 com mais uma esperança de solução para nossos problemas.

Algumas alterações, acreditamos que para melhor, já ocorreram. Eis que empresas que desde 2012 se encontravam já em liquidação, tiveram a oportunidade de ter seus recursos passados para um novo fundo, ANAPARPREV, devidamente adequado às nossas necessidades.  E após o surgimento de um novo acordo a ser proposto pelo governo tiveram suas liquidações futuras suspensas para que tivessem a mesma oportunidade, (cada empresa levando em conta sua situação no momento), de participar do projeto elaborado para solucionar o problema de  “TODOS” inclusive “ATIVOS”.

As ansiedades são muitas, expectativas de um natal melhor, ao menos informações sobre os “remédios”  que poderão vir a ser aplicados agora ou em breve futuro.

Observem que para o nosso grupo, o sofrimento destes últimos oito anos, agora temos pelo menos uma expectativa de viver o restante de nossas vidas com a cabeça novamente erguida com o sentimento de que sobrevivemos a esta devastadora desventura com a cabeça erguida, pois temos também a segurança que nada fizemos, pelo menos nesta vida, para merecer tudo o que estamos passando.

Com a certeza de que devemos continuar com nossa FÉ que nos dá forças para seguir  com nossas vidas,  desejamos UM FELIZ NATAL, FELIZ ANO NOVO, pois estamos sobrevivendo ainda.

FORTE ABRAÇO PARA TODA A FAMILIA VARIGUIANA E AO INTERVENTOR, BEM COMO AOS FUNCIONÁRIOS DO AERUS QUE NOS DÃO O SUPORTE PARA QUE TENHAMOS A CONDIÇÃO DE CONTINUAR COM NOSSA  FÉ.
Título e Texto: Thomaz Raposo de Almeida Filho, Diretor Presidente – APRUS, 20-12-2013   

Um comentário:

  1. Já que o sr.Raposo não teve a delicadeza de estender seus votos à "família" Transbrasil (sim, pois se ele não sabe, a TR também era patrocinadora do Aerus e muitos dos que sofrem hoje são aposentados por essa instituição) eu, que trabalhei em ambas as empresas, o faço por sua vez.

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-