domingo, 2 de julho de 2017

O contraste dos outonos

Almir Papalardo

Esta deslumbrante e sonhadora estampa que nos encanta, indicando que estamos no Outono, se adéqua às anuais atualizações das aposentadorias do INSS. Como as folhas caem sem entendermos o porquê, a cada novo reajuste dos aposentados privados, durante dezoito anos, sem que entendêssemos, caíam milhares e milhares de segurados para a vala do salário mínimo! Um plano diabólico dos governos para nivelarem todas as aposentadorias ao pífio valor do mínimo.


Assim, paralelamente, a correção das aposentadorias é o Outono da Previdência Social. Mas, são Outonos totalmente diferentes! Enquanto a "Estação Outono" da natureza, nos deleita, propiciando uma visão misteriosa e encantadora com o cair das folhas, o Outono da Previdência, inversamente, nos causa repulsa e indignação por prejudicar trabalhadores idosos, corrompendo o seu poder de compra!

A cada novo aumento das aposentadorias 250 a 300 mil aposentados, como folhas amareladas que caem das árvores, despencavam tristemente para o salário mínimo! Tudo que os governantes tentam fazer, invencionices quase sempre estapafúrdias, tornando-se uma filosofia de Confúcio, causam uma lambança sem precedentes na soberania do país. 
Título, Imagem e Texto: Almir Papalardo, 2-7-2017

2 comentários:

  1. Meu Caro Almir, linda foto, se sua ou do Editor, não importa, ela é linda, mas o que estamos sofrendo não é! E ela retrata a realidade! Sou solidário e muito aos teus sentimentos! O que estão fazendo com "Os Aposentados" que contribuíram e muito com a Previdência, que hoje já estão ganhando como a quem não contribui nada! Isto é um crime!!!

    Será que não há uma intervenção a esta Injustiça!!!

    Entendo que há casos sem contribuição que precisam ser remunerados, mas quem pagou, no seu contracheque, e mantém a sustentação da Previdência, e não é remunerado por isto? Por quê? E onde está o "STF" ONDE ESTÁ? Isto é uma vergonha!!!

    Como cidadão, como Brasileiro, me sinto totalmente desprotegido! E ... não sei e não vejo a quem recorrer!

    O "Judiciário está embriagado" e o Brasil deixado de lado.

    Meu Amigo Almir, não sei mais a quem recorrer!!!

    Um único pedido, cuide de sua Saúde , Mental e Física, e quem sabe os nossos Netos mudarão este Sentimento! Este é o Brasil!
    Abs,
    H. Volkart
    PS: Que Vergonha!

    ResponderExcluir
  2. Querido amigo Volkart, obrigado pelas palavras confortadoras. Realmente a categoria dos aposentados do INSS é o segmento mais prejudicado e injustiçado da sociedade. E o pior de tudo, é sabermos que não é por culpa exclusiva de uma crise financeira, lógica que logo cai por terra quando nossos políticos que são perdulários, com ganhos astronômicos, dando-se ao luxo de escoarem nossas riquezas pelos ralos da gastança inútil! Mas, enquanto estiver em perfeitas faculdades mentais, não deixarei de botar a boca no trombone, na esperança de aparecerem novos governantes que parem de perseguir aposentados.
    Um abraço, Almir Papalardo.

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-