sábado, 22 de agosto de 2020

‘Desvio mental’, diz Augusto Nunes sobre jornalista que torceu pela morte de Bolsonaro

Colunista da Revista Oeste analisa desdobramentos do artigo produzido por colaborador da Folha

Anderson Scardoelli

A informação de que a Polícia Federal (PF) intimou o jornalista Hélio Schwartsman [foto] ganhou espaço na edição de hoje de Os Pingos nos Is, programa da rádio Jovem Pan. Em julho, ele assinou texto em que revelou torcer pela morte do presidente Jair Bolsonaro. Agora, terá de depor.


Colunista da Revista Oeste e comentarista de Os Pingos nos Is, Augusto Nunes analisou a situação. Entre outros pontos, ele rechaçou a argumentação formulada pela defesa do jornal paulistano. Nesse sentido, o advogado Luís Francisco de Carvalho Filho definiu a intimação, feita a partir de inquérito solicitado pelo Ministério da Justiça, como “desvio autoritário do governo Bolsonaro”.

“É desvio mental desejar a morte de alguém”

Nunes, entretanto, não concorda com essa visão. De acordo com ele, não foi o governo federal — nem o presidente da República em específico — quem cometeu algum tipo de desvio. “É desvio mental desejar a morte de alguém”, definiu o colunista da Revista Oeste em seu comentário. “[Quem faz isso apresenta] certa vocação para carrasco”, prosseguiu.

Defesa na Justiça

Por fim, Augusto Nunes chamou a atenção para o fato de que nenhuma autoridade do governo censurou o colaborador da Folha de S.Paulo. Afinal, o texto que torce pela morte do presidente foi publicado e segue no ar até hoje.

Ministério da Justiça, entretanto, pediu esclarecimentos sobre o que entende por violação do Estado democrático de direito.

“Defenda-se e pare de mi-mi-mi e choradeira”, concluiu Nunes, em recomendação a Hélio Schwartsman.

Título e Texto: Anderson Scardoelli, revista Oeste, 21-8-2020, 19h50

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Se optar por "Anônimo", escreva o seu nome no final do comentário.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-