domingo, 14 de julho de 2019

Portugal é campeão do mundo de hóquei em patins

Inês Rocha, Manuela Pires, Ricardo Vieira

Guarda-redes Ângelo Girão deixa apelo aos portugueses: "adorava que nos viessem receber ao aeroporto"

Foto: Toni Albir/EPA
Portugal é campeão do mundo de hóquei em patins. A seleção portuguesa bateu a Argentina por 2-1, nos pênaltis.

Depois de uma igualdade a zero no final do tempo regulamentar e no prolongamento, Portugal foi mais forte no desempate por grandes penalidades.

Durante a final no Palau Blaugrana, na Catalunha, o guarda-redes Ângelo Girão defendeu tudo o que havia para defender.

Este é o 16º título mundial da formação das “quinas”. O título fugia aos portugueses desde 2003, quando ganharam em Oliveira de Azeméis.

Fora de Portugal, não ganhavam desde 1993 e em Espanha só triunfaram uma vez, em 1960.

Foto: Federação Portuguesa de Hóquei

"Podem começar a fabricar" uma estátua para Girão

No final do jogo, em entrevista à RTP, o capitão João Rodrigues não colocou de fora a hipótese de construírem uma estátua para o guarda-redes Ângelo Girão, que teve uma exibição irrepreensível. "Podem começar a fabricá-la", brincou o jogador português. "Quando a gente chegar fazemos uma estátua para o menino".

O guarda-redes afirmou ter ido buscar força à equipa para vencer este jogo. "Somos uma verdadeira equipa. Apesar de jogarmos uns contra os outros durante o ano, somos amigos. E isso nota-se cá dentro. Fizemos das nossas fraquezas, do cansaço, força. Eles correram imenso, meteram-se à frente de todas as bolas, as que sobraram tentei parar. Fomos enormes, acho que fomos melhores que a Argentina", disse Girão à RTP.

Hélder Nunes, que na nova época vai atuar em Espanha, ao serviço do Barcelona, disse esperar que "Portugal esteja orgulhoso" da equipa. "Um jogo que fica 0-0, pode parecer contraditório mas foi um grande espetáculo".

"Tínhamos feito história, agora estamos na história", diz o jogador. "O hóquei em patins está vivo. Portugal é isto, são estas pessoas".

Já Miguel Vieira lembra que este "foi um jogo muito complicado. Ganhar em Espanha um campeonato do mundo, nem nos meus sonhos era possível acontecer. É um sonho de menino. Somos os campeões do mundo, é o que interessa", diz.

"Peço aos portugueses que nos venham receber"

O guarda-redes Ângelo Girão deixou ainda um apelo aos portugueses: "adorava que nos viessem receber ao aeroporto. Nós merecemos e os portugueses merecem festejar com esta taça", disse, em entrevista à RTP.

Os campeões mundiais regressam a Portugal esta segunda-feira, às 18h05.
(...)
Título e Texto: Inês Rocha, Manuela Pires, Ricardo Vieira, Rádio Renascença, 14-7-2019

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-