segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

"Rubens, meu amigo, eu não tenho boas notícias para você"

Em resposta a Meu nome é Rubens de Freitas. Sou um fracassado!!

Nilde Ferreira Gaiani
Rubens, meu amigo,
Quem sou eu para julgar o que você fez. As reações humanas para determinadas situacões da vida, às vezes nos surpreendem; ninguém está isento de nada nesse mundo. Cada um sabe onde lhes apertam os sapatos.
Entretanto querido amigo, tenho obrigacão, sinto-me no dever de informar-lhe, de dizer-lhe, tudo o que sei sobre esse seu ato de desespero que, Gracas a Deus, não se concretizou.
Dir-lhe-ei, mesmo que você não acredite; não importa. Leia por favor!... Mesmo que por curiosidade.


O que acontece com o suicida?
Se você está pensando em se suicidar, deve estar procurando saber o que acontece com um suicida logo após a morte, correto? Eu não tenho boas notícias para você. O suicida é, sem dúvida nenhuma, o ser que mais sofre após a morte.
Primeiro, você precisa saber que nada se perde neste universo. Ao morrer, o seu corpo volta para a terra e sua mente, sua consciência, o seu Eu, que chamamos de espírito, não desaparece. Ele continua vivo. O que dá vida ao seu corpo é justamente a existência de um espírito que anima a matéria.
Então, tentar se matar achando que voce será apagado do universo, apagado para sempre, é uma tolice. O seu corpo realmente vai se decompor e vai desaparecer na Terra, mas você continua existindo.

A morte não é um processo automático. É necessário um determinado tempo para que o espírito se desconecte do corpo físico. É necessário tempo para que o espirito deixe de sentir as impressões desse corpo.
Quando a pessoa está doente este desligamento é gradual e segue um processo natural. Por isso que dizemos que a melhor forma de morrer é através da velhice quando ocorre o falecimento gradativo dos órgãos e o desligamento gradativo do espírito.

No caso do suicídio, não existe esse desligamento gradual do corpo. Se um suicida dá um tiro na cabeca ele sente a dor terrível do tiro, e continua sentindo a dor e os efeitos do tiro depois de morto. Uma pessoa que pula de um determinado local para se suicidar continua sentindo as dores do corpo quebrado depois do impacto.

Logo depois do ato suicida vem o momento de loucura, pois o suicida não está no momento, uma pessoa emocionalmente e mentalmente equilibrada. Ao perceber que não existe a morte da sua consciência, e que ele continua vivo, pensando, sentindo, exergando, bate um desespero e a loucura.

Muitos suicidas têm o desprazer de sentirem os seus corpos se decompondo. Ápós um longo e sofrido desprendimento da matéria em decomposicão, normalmente o suicida é levado para um local referenciado em muitos livros psicografados por Médiuns sérios, como, por exemplo, MEMÓRIAS DE UM SUICIDA, de Yvonne A. Pereira e tantos outros.


Geralmente, do outro lado da vida, as pessoas com personalidade parecida se unem em determinados locais. Aqui na terra também funciona assim. As pessoas de personalidade semelhante costumam se reunir. Na Internet onde não temos limites geográficos, temos grupos de pessoas com afinidades, que se juntam em grupos virtuais, como o Orkut, por exemplo.

Desta forma os suicidas são atraídos para locais repletos de pessoas que também cometeram o suicídio, pois ali existe uma compatibilidade de pensamentos e sentimentos.

Não é preciso fazer muita força para imaginar como seria um local com centenas de milhares de suicidas com o coracão cheios de remorsos, vingança, raiva, medo e dor. Não é um lugar bonito, cheiroso, e organizado. É um verdadeiro caos, o que podemos imaginar, como um verdadeiro Inferno.

Mas por que o suicida não recebe ajuda?
Da mesma forma que aqui no nosso mundo, lá do outro lado as pessoas só podem ser ajudadas quando realmente desejam ajuda. Você só pode recuperar um drogado se ele deseja sair da droga. Você só pode afundar uma pessoa afundada pela vingança se ela está verdadeiramente disposta a perdoar. Como curar o fumante à força? Sentimentos negativos como raiva, remorso, vinganca, prendem o espírito do suicida a uma camada vibracional muito baixa, compatível com esses sentimentos negativos.

Tirar um suicida deste lugar só é possível quando ele, por conta própria, consegue eliminar todos os sentimentos negativos que o fazem ficar em sintonia com este lugar. Se possui o sentimento de vinganca por alguém, ele precisa perdoar e se livrar desse sentimento. Se tem autopiedade, ou seja, pena de si mesmo, precisa eliminar esse sentimento. Se é arrogante ou alimentado por raiva, precisa queimar esse sentimento. Infelizmente isso só acontece depois de muito sofrimento.

Quantas coisas na vida só aprendemos depois que sofremos as consequências dos nossos atos, não é mesmo? Do outro lado da vida é a mesma coisa.

Allan Kardec, no livro "O Evangelho Segundo o Espiritismo", capítulo 5º, diz que "a calma e a resignacão adquiridas na maneira de encarar a vida terrena, e a fé no futuro, dão ao espírito uma serenidade que é o melhor preservativo da loucura e do suicídio."

A incredulidade, a simples dúvida quanto ao futuro da alma, as ideias materialistas, são os maiores incentivadores do suicídio: elas produzem a frouxidão moral.
Reflita sobre tudo isso, Querido Irmão!

O Espírito Joanna de Ângelis, no livro "Após a Tempestade", psicografado pelo médium Divaldo Pereira Franco nos aconselha:
"Espera pelo amanhã, quando o teu dia se te apresente sombrio e apavorante. Se te parecem insuportáveis as dores, lembra-te de Jesus, ora, aguarde e confia."

QUE DEUS, PAI DE MISERICÓRDIA E AMOR, LHE DÊ MUITAS FORÇAS, PARA QUE VOCÊ POSSA VENCER ESSE SENTIMENTO!!
LEMBRE-SE!!... A MORTE ATRAVÉS DO SUICÍDIO, SERÁ SEMPRE UMA MORTE EM VÃOOOO!!!!!
QUE JESUS O ABENÇOE,
Texto: Nilde Ferreira Gaiani, 30-12-2013

Relacionados:

3 comentários:

  1. O velho chavão: "Ninguém nunca voltou para contar como é do lado de lá...", infelizmente ainda é usado, mas só por aqueles que estão desinformados e que desconhecem um fato cientificamente comprovado chamado MEDIUNIDADE.
    Antigamente era comum um outro chavão, hoje em dia pouco usado por motivos óbvios: "Se Deus quisesse que o homem voasse o teria feito com asas..."
    Como todos sabemos, Deus não fez o homem com asas.
    Mas deu-lhe um cérebro dotado de inteligência e curiosidade que se bem trabalhado pode fazer maravilhas em benefício da humanidade e de nós mesmos.
    Procuremos nos informar, ANTES de tomarmos qualquer decisão, a fim de decidirmos da melhor maneira.
    Na nossa vida INTEIRA não foi sempre assim?
    Pois então...
    O professor Google está aí para ajudar
    Quer se matar?
    E o que será que acontece depois?
    Digite no Google: DEPOIS DO SUICÍDIO
    Nossa! Quanta informação!
    Ah... mas quem foi que contou isso tudo que está ali descrito?
    Quem?
    Aqueles que se suicidaram...
    Através dos Médiuns que serviram de instrumento para seus depoimentos.
    Ah, mas eu não acredito em nada disso...
    Respeito a opinião alheia mas não é questão de acreditar ou não. O que é é! Simples assim.
    Em 1900 os Médicos operavam diversos pacientes usando um mesmo bisturi.
    E eles morriam de infecção.
    Não se acreditava nem se sabia que existem seres microscópicos extremamente nocivos chamados de bactérias e vírus.
    Hoje, graças ao estudo e a informação, já sabemos e os bisturis são esterilizados e descartáveis.
    E para encerrar o meu comentário deixo aqui este chavão:
    "Os espertos aprendem com as experiências dos outros. Os tolos, com a experiência própria..."

    ResponderExcluir
  2. Os religiosos fizeram seus comentários, por isso eu, um Ateu convicto tenho o direito de ajuizar minhas posições.
    Decantam e propalam o livre arbítrio, que é uma opção humana nada a ver com um deus.
    O homem tem a livre escolha de matar e suicidar, sem castigos divinos.
    Se deus realmente existe, o demônio e o inferno são blasfêmias.
    Caim matou Abel e como castigo teve a vida refeita em outra vilarejo, tremendo castigo divino.
    O animal não tem livre arbítrio simplesmente faz o que é necessário a sua sobrevivência, e jamais será protegido em sua velhice.
    Infelizmente a situação dos idosos do AERUS é de um animal nevelhecido sem a proteção da sociedade que le ajudou a desenvolver.
    Se o Senhor Rubem optou por ceder a sua vida é igual como se optasse por assassinar um desses políticos que entravam nossas vidas. Não foi a melhor opção, seria totalmente ignorância pensar que o Deus onipotente, onisciente e onipresente, castigasse o espírito de alguém pelas opções humanas, isso é hipocrisia. Morrer é uma dádiva da natureza, faz parte do ciclo da mãe que tentamos destruir a qualquer custo. Se estamos a navegar em águas cheia de crocodilos, não adianta rezar, é sorte não ser escolhido como presa, ou talvez devêssemos escolher um de nós como boi de piranha. Navegar é preciso. Se religiões fizessem curas devíamos para de reclamar do SUS e consultar o Waldemiro, o RR Soares, os médiuns espíritas. Não existe destino, existem opções que se confrontam, caminhos que não deveriam ser usados, mas foram. Quando Napoleão invadiu a Rússia, vários se sacrificaram para esperar o general inverno, foram decisões, foram caminhos abertos para que outros sobrevivessem. Não enalteço, de modo algum a decisão do senhor Rubem, mas pergunto que opções foram lhe oferecidas, apenas orações e esperança. Esperança está ainda na caixa de pandora, para quem conhece a história.
    Desejo melhoras ao Rubens, mas jamais criticá-lo em suas atitudes, o homem é dono de seu comportamento, e não há leis humanas e divinas suficientes pra questionarmos. Para mudar-se exige-se mudanças de atitudes e comportamento de toda a comunidade. Ninguém é herói de oportunidade ou por acaso, o traidor é oportuno e casual.
    Boa tarde.

    ResponderExcluir
  3. Rubens, meu irmão, esses gananciosos serão desmascarados em breve, pode acreditar! Temos uma ferramenta que jamais na história da humanidade, os oprimidos a tiveram, a comunicação livre pela internet! A força atual dos oprimidos está em crescimento, nós iremos derrubá-los! Muitos o amam e o respeitam, aguente mais um pouco. Vc será recompensado pela perseverança e sentimento de gratidão. Estamos passando esse grande infortúnio por algum motivo, mas vamos nos manter vivos ! Coragem irmão, pode contar com pessoas boas que te ajudarão no momento necessário.
    Custodio

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-