sexta-feira, 17 de julho de 2020

Buracos na Avenida Nossa Senhora de Copacabana viram armadilhas para pedestres e motoristas

Redação Diário do Rio


Quem anda pela Avenida Nossa Senhora de Copacabana, na Zona Sul do Rio, na altura dos números 807 e 813, em frente às lojas Tele-Rio e Bio Mundo, respectivamente, certamente já se deparou com os enormes buracos abertos e expostos sem nenhuma cerimônia, bem em frente a um ponto de ônibus dos mais movimentados do bairro de Copacabana.

As crateras, que parecem ganhar profundidade a cada dia, vêm oferecendo um grande risco de acidente para os moradores que caminham pelo local, além de atrapalhar quem precisa pegar a condução de volta para a casa depois de um dia exaustivo de trabalho.


Os buracos, situados próximos a um bueiro, também acumulam água da chuva que caiu nos últimos dias e muita sujeira na calçada. Os motoristas de ônibus que passam pelo ponto, precisam fazer manobras arriscadas para desviar do trecho avariado, correndo o risco de causar acidentes.


O DIÁRIO DO RIO entrou em contato com a Secretaria Municipal de Conservação para que ela pudesse oferecer uma solução para o mau estado de conservação da Avenida, mas até o fechamento desta matéria, não obteve retorno.
Título, Imagens e Texto: Redação Diário do Rio, 16-7-2020

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-