quarta-feira, 29 de julho de 2020

Epidemiologista de Yale diz que hidroxicloroquina é a chave para derrotar a covid-19

Em artigo na revista Newsweek, Harvey Risch afirma que médicos deveriam prescrever medicamento para salvar milhares de pacientes

Roberta Ramos

O professor e diretor do laboratório de epidemiologia de câncer molecular de Yale, Harvey Risch [foto], escreveu, em artigo na revista Newsweek, que a hidroxicloroquina é a chave para derrotar a covid-19 e que os médicos deveriam prescrevê-la amplamente para salvar vidas de milhares de pacientes.


Segundo Risch, os dados apoiam totalmente a utilização do medicamento:

“Quando esse remédio tão barato é administrado muito cedo no curso da doença, antes que o vírus tenha tido tempo de se multiplicar além do controle, se mostra altamente eficaz”.

Embora os benefícios da droga sejam claros, o professor admite que o assunto foi politizado.

“Para muitos, é visto como uma forma de se posicionar politicamente”, afirmou. “Ninguém precisa que eu lembre que não é assim que a medicina deve proceder.”

O professor também chama a atenção para o fato de que muitos estudos não testaram o medicamento adequadamente e que os atrasos na administração da hidroxicloroquina reduziram sua eficácia.

“No futuro”, diz Risch em sua coluna, “acredito que esse episódio da hidroxicloroquina será estudado pelos sociólogos da medicina como um exemplo clássico de como fatores extracientíficos anulam as claras evidências médicas.”

Título e Texto: Roberta Ramos, revista Oeste, 28-7-2020, 12h20

Relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos/não publicamos comentários anônimos.

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-