quarta-feira, 27 de julho de 2016

Símbolos do poder imperial

Alberto José

No Antigo Império, que durou de 3.200 até 2.100 a.C., os faraós construíram pirâmides que eram monumentos fúnebres para eles e os seus familiares diretos. Nessa época, o império estava numa fase promissora e a economia estava bem, apesar da maioria da população sobreviver de modo lastimável.

Como acontece hoje no Brasil, no Congresso e nas Cortes Superiores, no Egito apenas os sacerdotes e os escribas tinham enormes privilégios. A construção da maior pirâmide, a de Quéops, gerou revoltas e, por isso, os faraós começaram a reduzir o tamanho enquanto, por dentro, enriqueciam a pirâmide.


Os séculos se passaram e a monarquia francesa, incomodada com "a voz das ruas", que se fazia presente por meio de pressões da plebe ignara no Palácio do Louvre, onde residia, resolveu construir Versalhes, bem distante "daquela gente"! Os nobres foram convencidos de que em Versalhes o povo não conseguiria ver as festas, a ostentação da riqueza e a vida ociosa dos "nobres bajuladores" que infestavam a corte. A "dolce vita" funcionou com Luis XIV, Luis XV até Luis XVI, que não conseguiu "habeas corpus" e foi levado à guilhotina na Place de La Concorde.

Pode-se examinar a História e seus exemplos e traçar planos que evitem a repetição dos mesmos erros. Juscelino Kubitschek, inspirado pela história ou pelos seus planos de governo, criou a Versalhes brasileira quando mudou a sede do governo para Brasília onde, naquela época, "aquela gente" teria dificuldade de chegar para exercer pressão sobre "a nobreza" que não colocavam a riqueza dentro da pirâmide, mas em contas na Suíça!

Ele alegou que por motivo de segurança estratégica (naquela época não havia míssil de grande alcance) e, que de Brasília o governo poderia distribuir recursos e acelerar o desenvolvimento do Brasil central. Essa mudança, que custou uma soma até agora não contabilizada, raspou os cofres do tesouro e dos orgãos da previdência como IAPETEC, IAPB, IAPFESP, IAPI, etc. que proviam ótimo atendimento médico e social para os seus beneficiados. A ideia que levou Juscelino a construir Brasília trouxe um imenso prejuízo para o país pois o transporte ferroviário, o transporte marítimo e os portos foram desativados em benefício da construção de péssimas estradas e do incentivo para que a indústria automobilística se instalasse no país produzindo veículos caros, perigosos e tecnicamente obsoletos. 
Título, Imagem e Texto: Alberto José, 27-7-2016   

Um comentário:

  1. Sem retoques, o império foi corrupto, a república velha foi corrupta, a nova foi corrupta.
    Não sei se Getúlio suicidou, ou foi suicidado pela corrupção, mas seu governo foi corrupto.
    Ninguém foi mais corrupto que JK , que destruiu a previdência social do Brasil. Se a dívida com os trabalhadores associados dos fundos de pensões fosse julgada procedente pelo STF, 2 PIBs brasileiros não pagariam-na.
    Porém o PT e seus governos extrapolaram os limites do improvável, acabaram com um plano econômico do qual tiraram todos os proveitos, roubaram os panos privados de aposentadorias das estatais, a Petrobrás, os correios, o BNDES.
    As empreiteiras de hoje lembram o Barão de Mauá, Irineu Evangelista e suas falcatruas bancárias no império e as concessões ferroviárias cuja primeira linha ligava o RIO a Petrópolis, onde o Imperador construiu sua saga.

    Vargas criou a Justiça do Trabalho (1939), instituiu o salário mínimo, a Consolidação das Leis do Trabalho, também conhecida por CLT. Os direitos trabalhistas também são frutos de seu governo: carteira profissional, semana de trabalho de 48 horas e as férias remuneradas.
    GV investiu muito na área de infraestrutura, criando a Companhia Siderúrgica Nacional (1940), a Vale do Rio Doce (1942), e a Hidrelétrica do Vale do São Francisco (1945). Em 1938, criou o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).
    Nenhum palácio, memorial ou instituto. fui

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-