segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

[O cão tabagista conversou com...] Idacil: “O PT arrebentou o Brasil. As nossas indústrias foram sucateadas.”

Nome completo: Idacil Santos do Amarilho

Nome de guerra: Idacil

Onde nasceu:
 Jaguarão, Rio Grande do Sul.

Onde estudou: 
Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS), na cidade de Porto Alegre.

Que faculdade?
Administração de Empresas.

Quando começou a trabalhar?
Em 1974. Meu primeiro emprego foi numa revenda Ford, na cidade de Jaguarão, na qual trabalhei por dois anos.

Atualmente mora na cidade onde nasceu?
Não. Nasci em Jaguarão, fronteira com o Uruguai, e desde 1976 resido em Porto Alegre.  Todavia, mesmo morando há mais de quarenta anos longe da minha terra, continuo apaixonado e, brincando, costumo dizer que Porto Alegre faz parte da Grande Jaguarão.

E depois da concessionária?
Depois trabalhei no Banrisul (Banco do Estado do Rio Grande do Sul) de 20 de julho de 1976 a 27 de junho de 2014.
Passei por várias áreas do Banco e terminei a minha carreira trabalhando como Analista Administrativo Pleno na Controladoria.  

Então, esse foi o seu segundo emprego até à aposentadoria...
Isso. Até me aposentar.

Esse banco é estatal?
Sim. O Banrisul é uma empresa de economia mista, tendo o Estado (do Rio Grande do Sul) como seu maior acionista. Um dos poucos bancos estaduais que ainda não foi privatizado.

Peraí! Doze minutos depois de iniciada a conversa já chegamos à sua aposentadoria!? Eita ‘entrevistador’ ruim!
Antes de chegar à universidade não teve infância? Não estudava?
E a adolescência? Fez o científico ou o ‘Artigo 99’?
😊
Tive uma infância boa, estudando pela manhã e depois, basicamente, jogando bola na parte da tarde até o anoitecer.

Fiz o primário, depois o Ginásio e o Científico em escola pública, que eram excelentes naquela época. Nunca houve uma greve de professores, bem diferente de hoje.

Minha paixão pelo futebol começou quando tinha oito anos e continua até hoje.  Sou Colorado e um torcedor doente, daqueles que fica mal quando o time perde.

Mas tenho a honra de ser torcedor de um time Campeão do Mundo da FIFA.

Eu também. Por duas vezes, 1987 e 2004: Futebol Clube do Porto.
No Brasil torço pelo glorioso Vasco da Gama...

Por que Jaguarão é uma ‘cidade heroica’?


Jaguarão, localizada na fronteira do Brasil com o Uruguai, é uma cidade histórica que tem mais de duzentos anos.

Em 27 de janeiro de 1865 uma força composta por dois corpos da Guarda Nacional resistiu durante 48 horas a uma tentativa de invasão do território brasileiro por mais de 1,5 mil homens do exército uruguaio. Sitiada e em desvantagem bélica, a guarnição comandada pelo coronel Manoel Pereira Vargas acabou vencendo o inimigo no cansaço. O episódio rendeu ao município o título de "Cidade Heróica" e ao Brasil, a demarcação das fronteiras à margem esquerda do rio Jaguarão.

Depois poderei falar dos encantos de Jaguarão.


Qual é esse time ‘Campeão do Mundo’ e em que ano essa façanha aconteceu?
Em 17 de dezembro de 2006, o Planeta Terra teve um novo dono, um dono gaúcho, vermelho, colorado: INTERNACIONAL.


O Inter. O Inter foi campeão do mundo.

Foi um título inesquecível, pois o Inter derrubou um gigante, na noite fria do Estádio de Yokohama, quente manhã de Porto Alegre.

Aos pés do Colorado prostrou-se o poderoso Barcelona, de Ronaldinho, que estava no auge da carreira, de Deco, de Iniesta, abatidos não apenas pelo gol de Adriano Gabiru, aos 82 minutos de partida, mas por um grupo inteiro, uma equipe coesa, que trabalhou sério e duro para vencer.


No passado dia 16 de dezembro de 2017 torceu pelo Grêmio ou pelo Real Madrid?
Jim, aqui é uma terra de chimangos e maragatos. Claro que torci pelo Real Madrid. Sou um secador assumido, não sei se fico mais feliz quando o meu Colorado vence ou quando o “Time do Humaitá” perde (me recuso a falar o nome daquele outro time). Aqui temos, seguramente, uma das maiores rivalidades do mundo. 

Se aposentou em junho de 2014. Abraçou alguma atividade depois da aposentadoria?
Não. Atualmente não desempenho nenhuma atividade remunerada, mas não descarto a abertura de um negócio mais adiante.   Por enquanto tenho dedicado o meu tempo para colocar as leituras em dia e mantenho uma página no Facebook sobre Administração, que é uma das minhas paixões. Esta página tem por título “Universo do Administrador” e não tem fins lucrativos, apenas compartilhar conhecimentos.

Qual seria a área do negócio?
Pretendo empreender na área de serviços, mais especificamente na de alimentação, provavelmente uma hamburgueria em parceria com o meu filho.



Como vai a economia brasileira?
O PT arrebentou o Brasil. As nossas indústrias foram sucateadas. Consertar o estrago vai demandar ainda alguns anos.

Todavia, lentamente a confiança do empresariado está voltando e aparecem aqui e acolá alguns investimentos e já vemos alguma recuperação no consumo.

Talvez possamos terminar o ano de 2018 com um crescimento em torno de 0,5%. É medíocre, mas ainda assim é melhor que a queda sofrida no governo Dilma.

Lula vai ser preso, um dia?


Se ele será ou não preso ainda é uma incógnita, pois já estão falando até que o STF poderá rever a norma que manda prender condenado em segunda instância.  Por outro lado, a condenação ocorrida na semana passada por três a zero, confesso que me deixou de alma lavada.

Os Desembargadores foram de uma clareza absoluta e não deixaram qualquer margem de dúvida sobre a culpabilidade do Molusco.

Para continuar acreditando na inocência do Lula só mesmo pertencendo à seita de fanáticos do PT, ou o sujeito é um completo boçal, ou também é corrupto, ou ainda, é conivente com a corrupção.

O Brasil tem jeito?
Sou um otimista por natureza. Sim, tem jeito. No momento o país está passando por um necessário processo de depuração.

Apesar dos governantes que temos, sempre digo que precisamos fazer a nossa parte. A parte que me cabe nesse latifúndio.

Não adianta apenas criticar e não oferecer nenhum tipo de contribuição.

Precisamos em primeiro lugar educar o nosso povo para que possamos dar um salto qualitativo e deixarmos de ser o eterno país do futuro.

Sim, é possível mudar o Brasil. Acredite.

Conhece Portugal?
Não, ainda não tive o prazer de conhecer, mas está nos nossos planos, meus e da minha companheira de jornada, ainda em 2018 conhecer Lisboa.



Gostaria de conhecer, além de Lisboa, também Porto, Sintra, Cascais, Fátima e, claro, curtir uns fados e me deliciar com uns pastéis de Belém.

Quem sabe o amigo, morador em Portugal, não possa ser o nosso guia turístico ... 😊😊

Se Deus quiser!

E outros países, conhece?
No exterior conheço apenas Montevidéu, capital do Uruguai.
Em março já está agendado um passeio para Buenos Aires.
 
Em Punta Del Este
A economia da Argentina melhorou com o presidente Macri?
Antes de responder a esta pergunta, cabe lembrar que, no início do século XX, antes do maldito Populismo dar o ar da sua graça nas bandas da América do Sul, a Argentina era duas vezes mais rica do que a Itália e a Espanha.

O presidente Macri também recebeu uma herança maldita de Cristina, que com seu sindicalismo e estatismo tortos, quase quebraram o país.

Não tenho acompanhado de perto, mas nota-se uma gradual recuperação da economia, mas o povo tem se queixado muito do aumento de algumas taxas.

Lá, como aqui, é costume da esquerdalha latino-americana colocar toda a culpa da sua incompetência nas costas dos Estados Unidos.

Por outro lado, fazendo uma retrospectiva histórica, experimente conversar com um estudante argentino de segundo grau e um brasileiro. É covardia. O argentino dá um banho em termos de cultura.

Se você pedir, ele poderá discorrer sobre a Bossa nova no Brasil nos anos sessenta, algo que o medíocre brasileiro sequer sabe do que se trata.

O argentino falará em grandes autores e suas obras. O jovem brasileiro falará de futebol, pagode e não saberá escrever mais que dez linhas. Claro que há exceções.

Veja, ainda, quantas livrarias existem em Buenos Aires, todos ávidos por cultura. Aqui, se não fosse o pessoal da minha idade frequentar, elas estariam às moscas.

Para finalizar este assunto um indicativo bem palpável:
A Argentina tem cinco Prêmios Nobel, dois da Paz, dois de Medicina e um de Química, enquanto nós não temos nenhum.

Falando em literatura, qual (história, romance, ficção, biografias, filosofia, economia...) a que prefere?
Gosto mais de biografias, romances e livros técnicos sobre Administração.

Os livros são baratos no Brasil?
O poder aquisitivo do brasileiro é baixo, mas não considero que os livros sejam caros. Falta mesmo é interesse pela leitura. Brasileiro lê muito, muito pouco.

Se você visitar a casa de um brasileiro raramente você verá uma estante com livros.

E sobre música, lembre aí, por favor, o que é “bossa nova”?
Cansados da fossa do samba-canção, alguns compositores decidiram fazer músicas sobre temas mais leves no final dos anos 50.  Nascia assim a Bossa Nova.

João Gilberto foi o criador do ritmo Bossa Nova, que surgiu no Beco das Garrafas, Rio de Janeiro.

Tom Jobim foi outro dos seus expoentes.  

Faziam um samba bem diferente, com grande influência do jazz. O assunto preferido era as belezas da vida, como a praia.

A Bossa Nova foi aplaudida até no Carnegie Hall.


E sobre a música gaúcha... o vaneirão, Os Serranos, Teixeirinha, Gaúcho da Fronteira...?
A música gaúcha é lindíssima, sou muito fã.
Defendemos nossas tradições e cantamos a nossa terra na música.

Além dos citados, acrescentaria Cleiton e Kledir, que também são maravilhosos.
Olha esses versos:
"(...)Não podemos se entregar "pros" home, mas de jeito nenhum, amigo e companheiro. Não tá morto, quem luta, quem peleia, pois lutar é a marca do campeiro!"


Falando em Carnegie Hall, qual a sua opinião sobre os Estados Unidos da América?
Admiro muito essa nação gigante, maior potência mundial.

Os Estados Unidos representam a riqueza, prosperidade, eficiência e oportunidade para todos.
É a nação que mais faz doações humanitárias no mundo.

Tem um PIB superior a toda Comunidade Europeia. Toda a economia do Brasil equivale à do estado da Califórnia, um dos 50 da federação.

A pergunta que não foi feita?
Acho que ficou de bom tamanho. As perguntas foram instigantes e permitiram revelar uma boa parte da forma como vejo a vida, o Brasil e o mundo.
E agradeço ao amigo pela oportunidade.

Uma derradeira mensagem para os nossos generosos leitores?
Que nunca nos esqueçamos de nos perguntar: afinal, qual é a minha missão? O que estou fazendo neste planeta?

Se a vida for apenas pensar em aproveitar o máximo possível e não dar nada em troca, acho que ela é vazia.

Tenho certeza que existe um sentido maior para a nossa vida. Temos que buscar incessantemente esse sentido. Sou um eterno buscador.

Somos apenas as nossas almas. Então façamos da nossa curta passagem uma oportunidade para nos aprimorarmos como pessoas e ajudar o próximo.

Costumo lembrar aos amigos e familiares que caixão não tem gavetas.  Levamos apenas o bem que fizemos.
Um abraço a todos.

Muito obrigado, Idacil! 

Conversas anteriores:

7 comentários:

  1. Aí, Idacil, meu querido amigo de tantos anos! Amei sua entrevista, ótimas perguntas e ótimas respostas! Agora sei mais sobre você e sobre o Cão Tabagista, que é muito legal também! Um grande abraços a vocês!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anita, brasileira da melhor estirpe, grande lutadora por um Brasil melhor.

      Excluir
  2. Teresinha Gonçalves30 de janeiro de 2018 00:45

    Que legal Idacil!! Boas perguntas e respostas bem claras e sinterizadas!! parabéns querido colega!! Grande abraço!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato pelas palavras da colega jaguarense.
      1 abraço!

      Excluir
  3. Parabéns pela entrevista, Idacil! 😉

    ResponderExcluir
  4. Taí uma boa entrevista ! O entrevistado precisa conhecer Portugal e se encantar !
    Quanto ao posicionamento sobre a política, a realidade não mostra somente o PT como causador de todos os males ao Brasil; todos os 35 (Haja dinheiro para sustentar tantos políticos) se locupletam das "benesses" que arrecadam e tem muitos correligionários que valem tanto ou menos dos que os do PT.
    Parabéns pela entrevista.

    Sidnei Oliveira

    ResponderExcluir
  5. Prazer, Sidnei.
    Certamente o PT não é o único, mas o mal maior sim.
    E seguirei a tua sugestão para conhecer os encantos de Portugal.
    1 abraço!

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-