sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Contos moucos dos loucos (XXI) – O louco

“Estou louco?”, ele gritava.
Ninguém lhe respondia.
Ele continuava a gritar. Só ele ‘ouvia’ e sentia o pesado respirar da covardia, só ele ‘via’ o mar de avestruzes com as cabeças enfiadas na areia…

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-