segunda-feira, 2 de setembro de 2019

Pênalti perdido e Bahia estão na pauta do Vasco

Luxemburgo vai conversar com Yago Pikachu e defende elenco

Rodrigo Ricardo

O Dia da Independência para o Vasco, comemorado no próximo sábado (7), terá São Januário como palco. O time encara o Bahia, às 11h, e tenta se recuperar da derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro. O jogo, em Belo Horizonte, no último domingo (1), deixou um gosto amargo na equipe carioca, por conta do pênalti desperdiçado por Yago Pikachu [foto]. Cariocas e mineiros ainda estavam empatados em 0 a 0 no segundo tempo e um gol àquela altura poderia ter mudado o resultado final do jogo.

Foto: Fernando Michel/Picasa
“Era a bola do jogo. Agora, ele (Pikachu) vai passar para mim o que a gente vai fazer. Isto não é a primeira vez que acontece no futebol. Ele bate muito bem, mas aí, de repente, perde a confiança e fica inseguro. A gente vai ter uma conversa olho no olho para saber se ele quer continuar cobrando”, avisou Vanderley Luxemburgo.

O treinador tem desfalques para o próximo compromisso do time. Richard está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e Thalles Magno vai servir a Seleção Brasileira Sub-20. Questionado sobre os prováveis substitutos, Luxemburgo mandou recado para a torcida que critica o elenco cruz-maltino.

“Não adianta ficar queimando jogador. Eu tenho 67 anos e não posso entrar em campo. Torcedor do Vasco preste atenção, não dá para dispensar ou contratar ninguém”, avaliou.
Título e Texto: Rodrigo Ricardo; Edição: Verônica DalcanalAgência Brasil, 2-9-2019, 13h04

Relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-