terça-feira, 16 de janeiro de 2018

[Pernoitar, visitar, comer e beber fora] Viana do Castelo: Santuário de Santa Luzia

Então, depois de feito o check-in no Hotel Laranjeira partimos à descoberta de Viana do Castelo.

Começamos pela visita ao Templo Monumento de Santa Luzia. Para chegar até lá pegamos o Elevador de Santa Luzia.

Para facilitar o acesso ao Monte e ao Templo, foi construído em 1923, o Elevador, atualmente propriedade da Câmara Municipal de Viana do Castelo que, em 2005/6 procedeu à sua completa remodelação e modernização.

O Elevador de Santa Luzia é o de maior extensão (650 metros), o que vence maior desnível (160 metros) e o que proporciona a viagem mais agradável e duradoura entre todos os funiculares existentes no país.




Templo Monumento de Santa Luzia
No cimo dos 300 metros de altitude do monte sobranceiro à cidade, existia, há mais de três séculos, uma capelinha dedicada a Santa Luzia. Nos finais do século XIX, o arquiteto Ventura Terra projetou o Templo-Monumento, em estilo revivalista, que mecenas e devotos foram construindo até meados do século XX, num notável trabalho em granito da região, artisticamente executado por canteiros vianenses. Do alto do seu zimbório, pode contemplar-se o mais deslumbrante e variado panorama de Portugal.

O Templo-Monumento glorifica o nome de Santa Luzia, advogada da vista a quem o Capitão de Cavalaria Luís de Andrade e Sousa recorre, na extinta capela de Santa Luzia, acometido de uma grave oftalmia. Já convalescido, institui a Confraria de Santa Luzia, como forma de gratificar a graça recebida.

Contudo, é o Sagrado Coração de Jesus o padroeiro do monumento, cuja devoção dos vianenses já vinha desde 1743. Mas foi durante a pandemia da Pneumónica, corria o ano de 1918, que a cidade, chorosa pelos seus entes queridos que haviam perecido, e aterrorizada com a violência de tal flagelo, se consagrou ao Sagrado Coração de Jesus, prometendo subir anualmente em peregrinação ao Monte de Santa Luzia se a pneumónica não ceifasse mais nenhuma vida. Cessada a mortandade, os vianenses fizeram jus ao prometido e rumaram monte acima onde, desde 1904, se construía o templo. Tal promessa ainda hoje se cumpre, no domingo mais próximo da festa litúrgica do Sagrado Coração de Jesus.
(...)

Santuário de Santa Luzia, também referido como Templo-Monumento de Santa Luzia ou Templo do Sagrado Coração de Jesus em Santa Luzia, localiza-se no alto do monte de Santa Luzia, na freguesia de Santa Maria Maior, na cidade, concelho e distrito de Viana do Castelo, em Portugal.

Assumindo-se como o "ex libris"" e cartão-de-visita da cidade de Viana do Castelo, do seu sítio descortina-se uma vista ímpar da região, que concilia o mar, o rio Lima com o seu vale, e todo o complexo montanhoso envolvente, panorama considerado o 3º melhor do mundo, segundo a National Geographic Magazine (1927).


Anteriores:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-