segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Carta a Você

José Manuel

Esta carta é endereçada a VOCÊ.

A VOCÊ que faz parte de um grupo que certamente não passa de meia dúzia de colegas, mas que incomoda milhares sem haver a menor razão para isso, porque grande parte dos colegas quer paz para existir na medida de suas possibilidades, quer paz de espírito e de notícias ruins como VOCÊ infelizmente se incumbe de publicar.

Por que VOCÊ gasta milhares de caracteres e o seu precioso tempo com notícias sem fundamento e ofensas a quem não conhece, a quem nunca lhe fez absolutamente nada?

Por que VOCÊ escreve sobre o PROJETO FÊNIX, sem o conhecer, até porque a sua essência ainda é desconhecida do público AERUS e está sob análise jurídica? Por quê?

VOCÊ, que em suas cartas alucinadas, me ofende, diz que eu estou criando pirâmides, que crio um fundo sem conhecimento legal, que estou fazendo uma organização em rede, que não vê qualquer possibilidade de sucesso, que vou detonar um acordo, que me compara ao anarquista russo Mikhail Bakunin, que dizia que "a paixão pela destruição é uma paixão criativa", tem a certeza mesmo do que VOCÊ está dizendo, ou está alcoolizado quando escreve?

Mas VOCÊ não assina as suas cartas e, pior, não as envia diretamente a mim, preferindo repassá-las a todo o grupo, fazendo com que a desesperança e o estresse tome conta desse mesmo grupo a que VOCÊ pertence.

Qual é o seu objetivo? Desagregar? Não perca tempo, pois já estamos demais fragilizados para que nos tornemos piores.

Nesta data, a poucas horas de um novo ciclo que começa, faça um exame de consciência, beba menos, trabalhe mais em prol do grupo a que VOCÊ pertence e seja uma pessoa melhor.

Já ia esquecendo, hoje, 30 de dezembro de 2013, eu e mais dois colegas que VOCÊ também não deve gostar, trabalhamos a manhã inteira em companhia de um advogado no sentido de tornar realidade algo que, ironicamente, VOCÊ deverá ser um beneficiado.

E VOCÊ? O que fez hoje?

VOCÊ me bate, mas eu te desejo um ano de 2014 cheio de realizações.
Título e Texto: José Manuel, ex-tripulante VARIG, 30-12-2013



Criação: Nelson Ribeiro



Relacionados:

3 comentários:

  1. Jonathas Filho
    Kirido amigo Jose Manuel, existem os corajosos como você, que a todo momento se expõe, dizendo à que veio e para fazer o que.... e existem os covardes que incendeiam a aldeia mas se escondem nas sombras da bastardice pois, eles não sabem realmente o que são... não tem identidade, não tem NOME e por isso não são NADA. Você é o cara! Você é o amigo. Você é José Manuel e ele é apenas um "quem ninguém"!!! Jonathas Filho

    ResponderExcluir
  2. Grande José Manuel,
    Li tua carta, Reli. Parei. Li novamente (afinal tenho raciocínio lento, lembra-se?)
    Pensei em mil palavras para responder mas prefiro ficar com essas:
    A CADA DIA TE ADMIRO MAIS !!!
    Um abração e Feliz 2014.

    ResponderExcluir
  3. Sou Viuva do Comte Bello mãe do Comte Bononi Bello( sogra Comte Rego (pedigree aeronáutico ) a Varig foi a falência por esta atitude egoísta nunca o grupo foi Unido fusão com mais duas cia. Os comprados. Nao colegas no mesmo barco então Nao admiro que tenha esta pessoa destrambelhada Meus Parabéns de coração por seu trabalho em prol do grupo Aerus.

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-