sábado, 10 de dezembro de 2016

Dilma abriu a Caixa de Pandora: foi racista, preconceituosa, machista e hipócrita

Luciano Ayan


Dilma resolveu caprichar no barbarismo intelectual. Tudo bem que eles sempre foram racistas, preconceituosos, fascistas e machistas. Mas normalmente praticavam cada uma dessas indecências por vez, e não em “combo”. Pois na entrevista grotesca ao Financial Times, Dilma abriu a Caixa de Pandora e mostrou sua moral apodrecida em ritmo de pacotão da depravação moral.

Por exemplo, ao criticar o governo Temer, ela disse que era um governo de “velhos, brancos e ricos”. Em uma frase, ela conseguiu ser racista, preconceituosa e hipócrita.

Foi racista por mencionar a cor de adversários de forma pejorativa. Claro que alguém pode dizer que uma pessoa é negra ou branca, mas não durante uma crítica comportamental, pois isso sempre configura racismo. Ninguém pode ser considerado apto ou menos apto a qualquer coisa por ser branco ou negro. Isso é o básico sobre racismo que qualquer cidadão decente deveria saber.

Ela foi preconceituosa, especialmente quanto à idade, por mencionar a idade avançada de adversários como fator que iria denegri-los. Aliás, ela não é nenhuma teengirl. Ela tem 68 anos. Isso não é problema algum, mas é ridículo ver uma mulher de 68 anos chamando os outros de “velhos demais” para compor um governo. A declaração dela expõe até falta de vergonha na cara.

E em relação à “riqueza” de membros do governo, vale lembrar das fortunas que os petistas amealharam. Ela não tem moral alguma para abrir a boca quanto a isso. Ademais, o governo Dilma foi conhecido por se aliar à classe mais rica (e adepta do capitalismo de laços) do Brasil. Aliás, ela foi no enterro do genocida Fidel Castro, que morreu com uma fortuna de 900 milhões de dólares. Pois é, meus amigos, o duplo padrão dessa aí é coisa de psicopata.

E tem mais: segundo ela, o impeachment foi “misógino”. Isso é uma ofensa às mulheres, especialmente aquelas independentes, que não precisam de superproteção, mas de tratamento igualitário. As mulheres decentes ficam ofendidas ao verem truques de falsa representação e vitimismo canalha, como este tentado por Dilma. Dilma é uma vergonha para as mulheres. Qualquer apontamento falso de misoginia é um ato de machismo.

Dilma parece estar na fase em que age igual aqueles malucos que resolvem balançar o badalo para as meninas na praia. Agem como se não tivessem nada a perder. Capaz. O detalhe é que se Dilma não tem nada a perder, a extrema-esquerda como um todo tem. Vamos desconstrui-los pelas palavras abomináveis desse monstro que atende por Dilma.
Título, Imagem e Texto: Luciano Ayan, Ceticismo Político, 9-12-2016

Um comentário:

  1. Foi no tempo dela, em maio de 2013, que Brasil e Portugal passaram a ROUBAR 25% do valor das aposentadorias que cada um deve transferir para residentes no outro país...

    ResponderExcluir

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-