quinta-feira, 4 de agosto de 2016

A organização da Rio 2016 está um caos, mas a TV vem evitando mostrar a situação

Até o trânsito do RJ tem prejudicado o treinamento dos atletas que competirão na Rio 2016
Implicante
TV precisa que a transmissão dos Jogos Olímpicos quebre recordes de audiência. Para isso, é necessário que haja interesse do telespectador em acompanhar o evento. Mas a missão será bem mais complicada se a população tiver noção da bagunça que anda a organização da Rio 2016. Por isso, só nos outros meios vem sendo possível entender melhor o que está acontecendo.

Uma reportagem do Estadão relata bem os problemas nos bastidores. O COI está extremamente insatisfeito com os organizadores do evento. Há severas queixas a respeito do transporte, segurança, acesso às arenas de competição, das finanças e até mesmo da poluição. Há obras que só serão concluídas com a Olimpíada iniciada, por exemplo.

As filas estão gigantescas mesmo antes da abertura do evento. E os atletas perdem muito tempo no trânsito, prejudicando o treinamento nos instantes finais.

Um delegado estrangeiro desabafou ao jornal: “nunca havia vivido uma crise assim“. Um caos. 
Título e Texto: Implicante, 4-8-2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-