quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

[Atualidade em xeque] A volta dos que não foram: #AERUSACORDOJA X Movimento ACORDO JÁ!

José Manuel

Retorno, após ter lido uma postagem hoje, no Face, com a pergunta de um colega sobre quais são as condições do nosso ACORDO!

Apesar da publicação em 20 de fevereiro (ontem) com alguns indicativos, me parece que urge uma explicação mais abrangente.

Nas últimas três semanas, aproveitando uma maré favorável em que há um novo governo e as mazelas petistas se apagando, aproveitamos para colocar em evidência nas redes sociais um clamor por um acordo entre o AERUS e a UNIÃO. Este movimento, para quem desconhece, foi lançado em 15 de abril de 2009 pelo nosso colega Jim Pereira, com Dayse Mattos e Márcio Oliveira. (A sua revista virtual O cão que fuma começou um ano depois, 19 de abril de 2010). Então, vai fazer este ano de 2019, exatamente DEZ anos de lutas e muitas calçadas.


Porém, com os governos atrapalhados do PT, a sua esperada extinção, tutela antecipada e novas eleições, infelizmente, ficou fora de foco e quase esquecido. Acontece que a única forma de ser viabilizado o pagamento dos atrasados mais a continuidade dos pagamentos do AERUS, mais a inclusão dos chamados ativos, até hoje sem receber, é através de um acordo, visto a condenação da União em BILHÕES, estar longe de ser concretizada.

Nestas três semanas e através de muito esforço, a hashtag #AERUSACORDOJA está quase no topo das "Trend Topics ", isto é, estamos sendo muito vistos e falados.

Como o Presidente da APRUS sempre fala e tem razão, não basta apenas ficar gritando, mas sim se filiar à associação, autorizar o desconto de R$ 30,00 no contracheque do AERUS, para que possamos ter um número alto de associados e aí, sim, termos a REPRESENTATIVIDADE que a União exige para iniciarmos um processo de acordo.  Isto é muito importante, e sem essa representatividade vamos ficar gritando palavras ao vento, quando poderíamos já estar sentados numa mesa de negociações.

Então, não há termos de acordo ainda, temos que continuar insistindo na hashtag, pois certamente o Presidente BOLSONARO que é conhecedor do caso AERUS e partícipe conosco em pelo menos duas ocasiões, uma na Cinelândia e outra no Santos Dumont em anos passados, se sensibilize e determine o início de um estudo de viabilidade para um acordo.


A APRUS enviou a todos uma carta com os termos de filiação e autorização para o desconto no contracheque do AERUS. Quem não recebeu pode entrar em contato com o site da APRUS e telefonar se informando como deve proceder.

Mais uma vez obrigado.
Título e Texto: José Manuel - membro da APRUS, contribuinte ao AERUS e realista sobre o meu futuro. 21-2-2019

Colunas anteriores:

Um comentário:

  1. Me associei e estava pagando.
    Não aceito descontos em folha de pagamento e nem em débitos em conta bancária.
    O problema dos boletos era que deveriam ser pagos apenas no ITAÚ, os códigos de barra não eram aceitos em nenhum banco oficial, BB ou CEF, nem no Bradesco, nem em lotéricas.
    Quero continuar associado.
    Mas tenho direito as minhas objeções, e de como conduzo minhas finanças.
    Poderiam colocar no saite seguro a opção pagar com cartão de crédito.
    fui...

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-