sábado, 16 de fevereiro de 2019

Líder de partido português declara: “Jean Wyllys, não és bem-vindo a Portugal”

Anderson C. Sandes

O Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra promoverá uma conferência no dia 26 de fevereiro com a presença do ex-deputado Jean Wyllys — aquele cujas principais conquistas foram: cuspiu no atual presidente, falou um monte de coisas que a população abomina e fugiu por covardia para a Espanha. 

A palestra tem como título enfadonho: “Discursos de ódio e fake news da extrema-direita e seus impactos nos modos de vida de minorias sexuais, étnicas e religiosos — o caso do Brasil“. 

O presidente do Partido Nacional Renovador [foto], em Portugal, não gostou muito do fato de Jean Wyllys ir palestrar em seu país: 


“Esse ‘cafajeste’ de extrema-Esquerda que abandonou o Brasil com a mentira de que estava a ser perseguido, vem agora debitar puro lixo em Coimbra? O PNR lá estará a marcar ‘presença’! Volte para o Brasil e promova lixo, mas na cadeia, lugar onde deveria estar.” Declarou José Pinto-Coelho, em sua conta no Twitter.

E continuou: Jean Wyllys, não és bem-vindo a Portugal e o PNR irá dizer-te isso pessoalmente! No dia 26 em Coimbra e no dia 27 em Lisboa!”

Pelo visto os portugueses terão uma boa novela para assistir no dia 26.


Título, Imagem e Texto: Anderson C. Sandes, Conexão Política, 16-2-2019

Um comentário:

  1. Jean Wyllys, o ex-deputado brasileiro, do partido de extrema-Esquerda, PSOL, vem a Portugal proferir duas conferências. Uma, na Universidade de Coimbra, tem por título, “Discursos de ódio e fake news da extrema direita e seus impactos nos modos de vida de minorias sexuais, étnicas e religiosas – o caso do Brasil” e a outra na Casa do Alentejo, em Lisboa, tendo por tema, “Porque se exilar do Brasil hoje?”.

    O PNR, único partido português que apoiou entusiasticamente a eleição de Bolsonaro – ao contrário de toda a restante classe política que o hostilizava ou se remetia a um silêncio dúbio – vem manifestar o seu mais veemente repúdio pela iniciativa da Universidade de Coimbra, o que configura uma afronta ao prestígio desta Universidade e aos portugueses.

    O PNR declara que esse senhor não é bem-vindo a Portugal! É persona non grata esse agitador de extrema-Esquerda, foragido à justiça brasileira, por fortes suspeitas de envolvimento no atentado contra Bolsonaro e por questões ligadas a trafulhices fiscais. Mente descaradamente ao dizer-se ameaçado pela “extrema-Direita”, vendo-se forçado a deixar o seu país. É a habitual mentira de vitimização tão comum na extrema-Esquerda.

    O PNR convoca protestos no local das suas conferências, quer contra a sua presença, quer contra o teor do seu discurso venenoso de propagação do marxismo-cultural, de ódio a Bolsonaro, de lixo da Ideologia de Género, de incentivo ao conflito racial, de perseguição aos valores tradicionais. Para agitadores contra os nossos valores e cultura já bem bastam os de cá. Jean Wyllys não é bem-vindo!

    Por isso, convocamos os apoiantes do PNR e os brasileiros pró-Bolsonaro residentes em Portugal a demonstrarem o seu descontentamento e mais viva repulsa pela sua presença entre nós. Compareçam em:
    Coimbra – dia 26 – 15h30 – Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra
    Lisboa – dia 27 – 17h00 – R. das Portas de Santo Antão, 58 – “Casa do Alentejo”.

    ResponderExcluir

Não aceitamos comentários "anônimos".

Não use CAIXA ALTA, (Não grite!), isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-