sábado, 15 de outubro de 2016

"Desgraça é herdar um pedido de resgate do país como o PSD teve”


O líder do PSD, Pedro Passos Coelho [foto] acusou esta sexta-feira, 14 de outubro, o atual executivo de falsear a realidade, confrontando-o com o facto da economia portuguesa estar a crescer quase metade do que o Governo previu para 2016.

"O país não pode levar a sério nem um primeiro-ministro, nem um Governo que falseia a realidade", afirmou Pedro Passos Coelho, durante o debate quinzenal com o atual executivo na Assembleia da República.

Pedro Passos Coelho sublinha que basta olhar para os dados de qualquer fonte credível sobre os juros que Portugal está a pagar a 10 anos para se ver que "não estão a correr bem", ao contrário do que o executivo diz.

"Desgraça é herdar um pedido de resgate do país como nós tivemos. Não vale a pena queixar-se muito da herança que recebeu porque foi o senhor que a quis agarrar", sublinhou.

A intervenção do líder do PSD ficou também marcada pelas interpelações ao atual executivo sobre as "modestas perspectivas de crescimento da economia portuguesa em 2016". Pedro Passos Coelho questionou o atual executivo: “Se o investimento está a crescer qual o motor de travagem da economia?”

"Já depois do último debate quinzenal (…), afirmou que infelizmente talvez a economia portuguesa não cresça este ano muito mais do que 1%, talvez um bocadinho mais do que 1%, mas não muito mais do que 1%, sendo que o Governo tinha uma meta de 1,8", recordou o líder do PSD, notando que até hoje, o crescimento que pode ser medido representou 0,9%.

Pedro Passos Coelho salientou que “chamou à atenção” quando o Governo apresentou o cenário macroeconómico, apontando para “previsões muito otimistas”. “O que correu mal do ponto de vista do Governo para que as coisas tivessem corrido de maneira tão diferente?”, questionou.

O Presidente do PSD afirmou ainda que "o desemprego não é indicador avançado da economia", considerando que o atual executivo "não sabe responder ou não quer responder" à pergunta sobre os motivos de um menor crescimento da economia face às previsões do Governo.
Veja as fotos aqui
Título, Imagem e Texto: PSD, 14-10-2016

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Por favor, evite o anonimato! Mesmo que opte pelo botãozinho "Anônimo", escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, (Não grite!) isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
Abraços./-